MPT Audiência pública debate emprego para imigrantes

Por: Diario de Pernambuco

Publicado em: 03/06/2019 07:16 Atualizado em: 03/06/2019 07:34

Na foto, refugiados venezuelanos chegando no Recife.
Foto: Gabriel Melo/Arquivo DP. (Na foto, refugiados venezuelanos chegando no Recife.
Foto: Gabriel Melo/Arquivo DP.)
Na foto, refugiados venezuelanos chegando no Recife. Foto: Gabriel Melo/Arquivo DP.

A empregabilidade de imigrantes no estado é assunto de audiência pública, nesta segunda-feira (3), no Ministério Público do Trabalho (MPT) em Pernambuco. O evento acontece a partir das 14h em sala do 10º andar do edifício-sede, na Rua Conselheiro Portela, no Espinheiro. A audiência pública irá levantar os problemas enfrentados pelos migrantes estrangeiros com relação a trabalho e emprego e dar encaminhamentos.

Segundo o MPT, entre as principais dificuldades dos imigrantes estão a expedição de carteira de trabalho e a revalidação de diploma. A medida não só enfoca os venezuelanos, mas também pessoas de outras nacionalidades que estejam com as mesmas dificuldades, como senegaleses e bolivianos. Alguns migrantes, sobretudo os venezuelanos, possuem formação superior. Com a validação do diploma, eles teriam uma melhor condição de trabalho. A carteira de trabalho também é fundamental para amparar uma relação de emprego e evitar que o trabalhador entre na informalidade.

Foram chamados para a audiência pública, além das próprias comunidades de migrantes estrangeiros, as universidades e as secretarias de estado que lidam com as questões de imigração, assim como os municípios. O MPT ainda convidou os Ministérios Públicos do Estado (MPPE) e Federal (MPF), e organizações não governamentais que atuam com o tema.


Os comentários abaixo não representam a opinião do jornal Diario de Pernambuco; a responsabilidade é do autor da mensagem.