Apreensão Três pessoas são presas com 22 quilos de skunk no Aeroporto do Recife

Publicado em: 30/05/2019 10:25 Atualizado em: 30/05/2019 10:30

FOTO: PFPE / Divulgação  (FOTO: PFPE / Divulgação )
FOTO: PFPE / Divulgação
Três pessoas foram presas em flagrante com 22 quilos de skunk no Aeroporto Internacional dos Guararapes/Gilberto Freyre, na Zona Sul do Recife. Nicolas Cordeiro Cidade, 20, Kaio Oliveira Costa, 22 e Aniellen Pereira Batista, 23, foram identificados durante fiscalização de rotina e revelaram em depoimento que aceitaram fazer o transporte da droga em troca de dinheiro. As prisões e aprensões aconteceram na última terça-feira (28).

Ao passar as bagagens pelo aparelho de raio-x, os agentes federais abriram as malas e constataram que em três delas havia 22 kg de skunk, substância com teor concentrado de THC (componente da maconha), em tabletes, junto às roupas. 

Nicolas Cordeiro Cidade e Kaio de Oliveira Costa são naturais de Manaus, no Amazonas. Já Aniellen Pereira Batista é natural de Itabuna, na Bahia. De acordo com a Polícia Fdderal, além do skunk, Anielle estava levando esctasy e haxixe que, em depoimento, ela alegou ser para consumo próprio.

O trio foi autuado por tráfico interestadual de entorpecentes e, durante interrogatório,  a PF relatou que um deles foi contratado por um presidiário em Manaus, no Amazonas. Já o outro acusado contou que todo o contato foi realizado via WhatsApp.

Após a autuação, os presos realizaram exame de corpo de delito no Instituto de Medicina Legal (IML) e foram levados para a audiência de custódia, onde ficarão à disposição da Justiça Estadual de Pernambuco.



Os comentários abaixo não representam a opinião do jornal Diario de Pernambuco; a responsabilidade é do autor da mensagem.