Vicência Projeto ensina filhos de agricultores a tocarem fole de 8 baixos

Publicado em: 21/05/2019 19:23 Atualizado em: 21/05/2019 20:28

Alunos de salas especiais também tiveram lições durante evento. Foto: Guilherme Vasconcelos/divulgação
Alunos de salas especiais também tiveram lições durante evento. Foto: Guilherme Vasconcelos/divulgação
Foram seis meses de aulas e o resultado foi apresentado, na tarde desta terça-feira (21), no município de Vicência, na Zona da Mata Norte. Dez crianças, adolescentes e jovens filhos de agricultores e lavradores da região se apresentaram tocando o fole de 8 baixos para uma plateia formada por 60 crianças e adolescentes da educação especial do município. No repertório, forró pé de serra, xote e baião. A festa foi aberta ao público e aconteceu no Museu Poço Comprido, na zona rural.

O evento, uma espécie de prévia do ciclo junino no município, também contou com comidas típicas, apresentações de quadrilhas juninas e arrasta-pé. Os estudantes participaram de uma intervenção artística, que uniu a curiosidade do público sobre o forró e a sanfona ao aprendizado dos novos músicos.

“Nossa proposta é que as crianças, adolescentes e jovens, que apresentem alguma limitação, seja ela visual, de mobilidade ou auditiva, possam, de alguma maneira, também, construir sua própria relação com a música. Queremos tornar esse evento um passaporte para inclusão desse novo público. Foi um momento de revelar sonhos e novos talentos”, disse o produtor cultural e coordenador do projeto, Manoel Felipe.

O projeto Fole de 8 baixos está em sua 3ª edição e capacitou 30 alunos. Também foi reconhecido pelas Organização das Nações Unidas para a Educação, a Ciência e a Cultura (Unesco).
 


Os comentários abaixo não representam a opinião do jornal Diario de Pernambuco; a responsabilidade é do autor da mensagem.