Timbaúba Briga de famílias deixa sete feridos Desentendimento ocorreu em um bar do distrito Vila Cruangi. Envolvidos estavam com facas e facões

Publicado em: 06/05/2019 12:15 Atualizado em: 06/05/2019 15:41

FOTO: Arquivo/DP (FOTO: Arquivo/DP)
FOTO: Arquivo/DP
Sete pessoas ficaram feridas na noite do último domingo (5) após uma discussão em um bar na cidade de Timbaúba, na Mata Norte do estado. De acordo com a Polícia Civil, todos os envolvidos estavam munidos de facas e facões, quando por motivos ainda não explicados começou a confusão. Os homens começaram a brigar entre si depois muito beberem.

O desentendimento ocorreu durante uma confraternização no distrito Vila Cruangi. Entre os feridos estavam os irmãos João Paulo da Silva, 27 anos, Luiz Carlos da Silva, 26, e Genivaldo Luiz da Silva, 25. Os outros esfaqueados pertencem a uma mesma família. Foram os irmãos Marcos André Ferreira da Silva, 21, José Henrique da Silva Neto, 21, Edivaldo da Silva e Carlos Antônio da Siva, 26.
 
Cinco dos feridos foram levados para o Hospital Municipal de Timbaúba e os outros dois, Genildo Luiz da Silva e Carlos Antônio da Silva, para o Hospital da Restauração (HR), no Recife. Carlos Antônio recebeu alta médica nesta segunda-feira (6), enquanto Genildo, esfaqueado na barriga, continua em observação no HR com o quadro de saúde estável. O caso foi tipificado como lesão corporal mútua e será investigado pela Delegacia de Goiana.

Em entrevista a uma rádio local, Genilda Félix, mulher de Genildo, disse que festas são comuns no bar onde ocorreu o esfaqueamento mútuo. Ela contou que o marido estava em casa quando um vizinho avisou que o irmão de Genildo estava ferido no bar. “Ele correu e viu todo mundo com uma faca”, detalhou. Genildo foi esfaqueado quando tentou desarmar um dos homens que brigava.




Os comentários abaixo não representam a opinião do jornal Diario de Pernambuco; a responsabilidade é do autor da mensagem.