Segurança Operação Lei Seca terá mais de 60 ações educativas no Maio Amarelo

Publicado em: 30/04/2019 19:36 Atualizado em:

Foto: Detran-PE/Divulgação.
Foto: Detran-PE/Divulgação.
Neste mês de maio, a Operação Lei Seca (OLS) em Pernambuco participa da campanha global Maio Amarelo com diversas ações educativas e de fiscalização na capital pernambucana e no interior do Estado. Além da atuação diária de nove equipes, que já ocorre todos os dias da semana, mais de 60 atividades estão programadas para este período, incluindo palestras, ações em bares e restaurantes, empresas, sindicatos, escolas, mercados públicos, feiras livres, terminais de ônibus e parques. Em Pernambuco, a abertura da campanha 2019, que já está na sua sexta edição, ocorre nesta quarta-feira (01.05), a partir das 8h30, no Segundo Jardim de Boa Viagem, na Zona Sul do Recife.

O trabalho de orientação será realizado pelas equipes educativas da OLS, compostas por pessoas com deficiência, cadeirantes ou muletantes, vitimados pela combinação de álcool e direção, além de auxiliares, que ajudam na condução dos agentes e na entrega de panfletos, folders educativos e adesivos. Também haverá, para fins demonstrativos, realização dos testes do bafômetro com a população, esclarecimento de dúvidas sobre a Lei Seca e consequências legais para quem for flagrado dirigindo sob a influência de bebida alcoólica.

"A campanha chama atenção da sociedade para o tema segurança viária com o objetivo de sensibilizar e afirmar que o trânsito deve ser seguro para todos, em qualquer situação, sejam condutores, pedestres, passageiros, ciclistas ou motociclistas. Desde que foi implementada pela Secretaria Estadual de Saúde, em 2011, a Lei Seca transmite ao público a mensagem da mudança de comportamento estimulando atitudes mais responsáveis e menos imprudentes, que envolvem não apenas o consumo do álcool, mas fazem refletir sobre o excesso de velocidade, o uso do celular, o respeito às sinalizações e travessia de pedestres, utilização de equipamentos de proteção entre outros aspectos essenciais que impactam diretamente na segurança de todos", afirma o coordenador da OLS, Fábio Bagetti.

O mês se tornou referência mundial para a causa quando a ONU decretou a Década de Ação para Segurança no Trânsito, em maio de 2011. Neste ano, a campanha tem como mote "No trânsito, o sentido é a vida" e a cor amarela simboliza atenção e também a sinalização e advertência no trânsito.

Saiba mais:
Atitudes e comportamentos saudáveis no trânsito

* Todos os ocupantes do veículo, adultos e crianças, devem usar o cinto de segurança inclusive no banco traseiro.
* Crianças de até sete anos e meio nos carros devem usar os equipamentos de proteção adequados à idade (bebê conforto, cadeirinhas ou assento de elevação).
* Pedestre deve sempre ser respeitado. Lembre-se: você também é pedestre.
* Dirigir embriagado reduz em até 25% o tempo de reação, aumentando o risco de acidentes. Se beber vá de ônibus, táxi ou carona.
* Bicicleta também é veículo, portanto deve respeitar a sinalização de trânsito. Motorista, mantenha uma distância segura de 1,5m ao ultrapassar ciclistas.
* Respeite os limites de velocidade. Reduza a velocidade em frente a escolas ou lugares de grande concentração de pedestre.
* Motociclista use sempre equipamentos de proteção: capacete, luvas, botas e jaqueta.
* Respeite as vagas reservadas para idosos e pessoas com deficiência. A gentileza melhora a convivência no trânsito.
* Não use o celular enquanto dirige. A distração é um dos principais fatores de risco para quem está ao volante.
* Dirigir cansado ou com sono é tão perigoso quanto dirigir alcoolizado. Pare e descanse antes de pegar a estrada.

Fonte: SES/PE. 


Os comentários abaixo não representam a opinião do jornal Diario de Pernambuco; a responsabilidade é do autor da mensagem.