Saúde Banco de leite do Hospital Agamenon Magalhães precisa de doações

Publicado em: 23/04/2019 11:58 Atualizado em: 23/04/2019 12:02

Crédito: Peu Ricardo/DP
Crédito: Peu Ricardo/DP

O Hospital Agamenon Magalhães (HAM), localizado na Zona Norte do Recife, está convocando as mães que produzem leite em excesso para doar à unidade. Atualmente, há 15 litros de leite no estoque do hospital, suficiente apenas para os próximos dez dias. O leite materno é essencial para a recuperação e o crescimento saudável de recém-nascidos internados na UTI, UCI e alojamento Canguru.

As mães interessadas em doar seu leite excedente devem entrar em contato com o Hospital pelo telefone 3184.1690. “As mães podem entrar em contato com nosso Banco para fazer a doação no próprio hospital ou para que possamos agendar a busca do alimento. Nós também fazemos um trabalho com as mães que estão com filhos internados para que elas façam a ordenha para os seus bebês e, se possível, também doem o excedente”, reforça a coordenadora do Banco de Leite do HAM, Agnes Freitas.

O leite materno é considerado um dos alimentos mais importantes para o ser humano. A bebida tem todos os ingredientes necessários para o crescimento saudável da criança, além de funcionar como um fator de proteção para doenças. Ele também é um importante aliado na redução do óbito infantil, da fome, da desnutrição e dos quadros alérgicos que podem ser apresentados pela criança.

COMO DOAR
Para retirar o leite da mama, a indicação é que a mãe use um lenço para proteger a boca e a cabeça, além de higienizar as mãos antes de iniciar o processo. O produto deve ser armazenado em potes de vidro com tampa de plástico, como os de maionese ou café. O papel que vem na parte interna da tampa precisa ser retirado antes de todo o processo. Para higienizá-los, deve-se lavá-los com água corrente e sabão neutro. Em seguida, colocá-los em uma panela com água e levá-los ao fogo. Após a água começar a ferver, deixar por mais 15 minutos.

Além do HAM, outros Bancos de Leite aceitam doação do público. No Recife, há o Hospital Barão de Lucena (81 3184.6552), que, atualmente, possui 20 litros e está com consumo diário em torno de um litro. Já no Hospital Jesus Nazareno (81 3719.9338), em Caruaru, o estoque está em 20 litros (consumo diário de 500 ml) e no Hospital Dom Malan (87 3202.7000), em Petrolina, com 14 litros (necessidade de, em média, 2 l/dia). 

Outras instituições públicas e privadas também recebem doação. Para ver a lista completa, basta acessar o link.



Os comentários abaixo não representam a opinião do jornal Diario de Pernambuco; a responsabilidade é do autor da mensagem.