Eleições municipais PCdoB inicia debate sobre participação do partido na campanha de 2020

Publicado em: 19/05/2019 11:07 Atualizado em:

Dirigentes municipais criaram um grupo de trabalho para preparar candidaturas à Câmara do Recife. Foto:Luciano Siqueira
Dirigentes municipais criaram um grupo de trabalho para preparar candidaturas à Câmara do Recife. Foto:Luciano Siqueira
O debate sobre as eleições 2020 entrou na pauta do PCdoB. O partido, que tem a vice-governadora Luciana Santos e o vice-prefeito do Recife, Luciano Siqueira, promoveu neste sábado (18) um encontro para definir como será a participação da sigla na campanha municipal do próximo ano. Na reunião, os dirigentes do diretório municipal do resolveram criar um Grupo de Trabalho Eleitoral (GTE), que ficará responsável pela construção da chapa de candidatos do partido à Câmara Municipal do Recife.

Questionado sobre a possibilidade da legenda lançar um nome para disputar a Prefeitura do Recife, o presidente do Comitê Municipal, George Braga, afirmou que ainda é cedo para esse tipo de discussão. “Estamos pensando agora em como contribuir com a cidade. Temos experiências (na administração pública) que são importantes, a exemplo do ex-prefeito João Paulo, agora filiado ao PCdoB, Paulo Dantas, que foi secretário de Educação. O prefeito de Aracaju (Edvaldo Nogueira), o governador do Maranhão (Flávio Dino), são do nosso partido. Então, queremos montar uma plataforma para discutir a cidade com a realização de seminários, conversando com as pessoas e com todos os partidos da Frente Popular”, destacou Braga.

George Braga adiantou, ainda, que o deputado estadual João Paulo e o vereador Almir Fernando têm um papel relevante a cumprir no trabalho que será realizado pelo GTE. Na reunião, que contou com a participação de Luciano Siqueira, e do secretário estadual da Secretaria de Meio Ambiente e Sustentabilidade, José Bertotti, ambos dirigentes comunistas, foram debatidos também o cenário político local e nacional, a orientação tática e as atuais tarefas partidárias.


Os comentários abaixo não representam a opinião do jornal Diario de Pernambuco; a responsabilidade é do autor da mensagem.