ESTADOS UNIDOS Alabama aprova lei que prevê castração química para pedófilos

Por: Diario de Pernambuco

Publicado em: 11/06/2019 10:43 Atualizado em: 11/06/2019 10:54

Foto: Divulgação/Departamento de Turismo do Alabama
Foto: Divulgação/Departamento de Turismo do Alabama
Kay Ivey, governadora do Alabama (EUA), aprovou nesta terça-feira (11) uma lei que prevê a castração química para pedófilos condenados e que estejam em liberdade condicional. O texto exige o procedimento para manter os condenados por crimes sexuais cometidos contra crianças menores de 13 anos fora da prisão. A lei começa a valer em setembro.

"Este projeto é um passo para proteger as crianças no Alabama", afirmou Ivey, que é do Partido Republicano, o mesmo do presidente Donald Trump. 

O procedimento será feito com uma substância que reduz, inibe ou bloqueia a produção de testosterona e outros hormônios e deverá ser realizado no mínimo um mês antes de a pessoa deixar a prisão. Os custos que envolvem o processo devem ser pagos pela pessoa condenada, caso ela tenha condições financeiras.

Considerando a possibilidade do condenado resolver deixar de receber a substância, ele deverá voltar para a prisão e cumprir o resto da pena. 

Randall Marshall, diretor-executivo da ACLU (entidade americana de direitos civis) do Alabama,  declarou que "certamente acredita que isso levanta preocupações constitucionais". 



Os comentários abaixo não representam a opinião do jornal Diario de Pernambuco; a responsabilidade é do autor da mensagem.