Obra Pesquisadores afirmam que sorriso de Mona Lisa não era genuíno

Por: AE

Publicado em: 06/06/2019 20:28 Atualizado em:

Foto: Jean-Pierre Muller/AFP (Foto: Jean-Pierre Muller/AFP)
Foto: Jean-Pierre Muller/AFP
O sorriso de Mona Lisa no quadro do pintor italiano Leonardo da Vinci sempre intrigou a humanidade. Uma pesquisa de 2017 notou que a mulher não é ambígua nem enigmática, mas feliz. Porém, um estudo publicado em abril deste ano na revista científica Cortex determinou que o sorriso dela não é genuíno devido a uma assimetria. Os pesquisadores notaram que metade da expressão de Mona Lisa exibe felicidade enquanto a outra metade é neutra.

"Nossos resultados indicam que a felicidade é expressa apenas no lado esquerdo. De acordo com algumas influentes teorias da neuropsicologia da emoção, interpretamos aqui o sorriso assimétrico de Mona Lisa como um sorriso não genuíno, que geralmente ocorre quando alguém mente", escreveram os autores da pesquisa.

O líder do estudo Luca Marsili, da Universidade de Cincinnati, e seus colegas Lucia Ricciardi, da Universidade St. George de Londres, e Matteo Bologna, da Universidade Sapienza de Roma, pediram que 42 pessoas julgassem qual das seis emoções básicas foram expressas por duas imagens quiméricas dos lados esquerdo e direito do sorriso de Mona Lisa.

Uma imagem quimérica é uma imagem espelhada e, neste caso do estudo, foi apresentado apenas um lado do sorriso de cada vez. Como resultado, 39 pessoas indicaram que a metade esquerda do sorriso demonstrava felicidade. Ninguém observou o mesmo no lado direito. Ao avaliar este lado, 35 pessoas disseram que a expressão era neutra, cinco disseram que era de repugnância e dois indicaram tristeza.

Os autores também apontam que não há ativação muscular da face superior na pintura de Mona Lisa. Um sorriso genuíno faria com que as bochechas se elevassem e os músculos ao redor dos olhos se contraíssem, observam os autores.

"Considerando que é improvável que uma pessoa que fica imóvel por horas seja capaz de sorrir constantemente em felicidade genuína, a explicação mais simples é que o sorriso assimétrico de Mona Lisa é a manifestação de um 'prazer falso'", escrevem os pesquisadores. "Uma alternativa intrigante, no entanto, é que Leonardo já conhecia o verdadeiro significado do sorriso assimétrico e, deliberadamente, ilustrava um sorriso expressando uma emoção 'não sentida'".

Se isso for verdade, os autores especulam que o sorriso de Mona Lisa pode esconder mensagens enigmáticas, tais quais: a pintura é um autorretrato ou que o retrato se referia a um homem ou a uma mulher morta.

Os comentários abaixo não representam a opinião do jornal Diario de Pernambuco; a responsabilidade é do autor da mensagem.