CARROS DE LUXO Escritórios da Porsche na Alemanha são revistados por suspeita de corrupção

Por: AFP - Agence France-Presse

Publicado em: 28/05/2019 10:42 Atualizado em:

Foto: Thomas Kienzle/AFP
Foto: Thomas Kienzle/AFP
Além disso, a Justiça suspeita de que um membro do conselho administrativo tenha recebido remunerações "excessivas" e "não justificadas".

Seis pessoas, "incluindo executivos da Porsche", podem ser processadas por quebra de confiança, segundo a Procuradoria.

As buscas de hoje não têm qualquer relação com o escândalo dos motores a diesel da Volkswagen, empresa matriz da Porsche.

No início de maio, a fabricante de carros de luxo concordou em pagar uma multa de 535 milhões de euros na Alemanha no âmbito do "dieselgate".


Os comentários abaixo não representam a opinião do jornal Diario de Pernambuco; a responsabilidade é do autor da mensagem.