Confissão Discípulo de organizador de atentados no Sri Lanka planejava ataque na Índia

Por: AFP - Agence France-Presse

Publicado em: 29/04/2019 20:14 Atualizado em:

Um discípulo do líder islâmico Zahran Hashim, suposto organizador dos ataques que mataram 253 pessoas no Sri Lanka em 21 de abril, planejava cometer um atentado em Kerala, no sul da Índia, informaram as forças de segurança indiana, que detiveram o homem nesta segunda-feira (29).

O homem, identificado como Riyas A, 29 anos, foi detido por membros da Agência Nacional de Investigação (NIA) indiana, encarregada da repressão ao terrorismo.

Durante seu interrogatório, o suspeito "revelou que acompanhava os discursos e os vídeos de Zahran Hashim do Sri Lanka há mais de um ano" e "reconheceu que planejava cometer um atentado suicida em Kerala", estado do sul da Índia, segundo a NIA.

Zahran Hashim, um pregador islâmico radical, é considerado por Colombo como o organizador dos ataques suicidas contra igrejas e hotéis que mataram 253 pessoas no Domingo de Páscoa no Sri Lanka, todos reivindicados pelo grupo jihadista Estado Islâmico (EI).

Segundo as autoridades, Hashim morreu no ataque a um dos hotéis.

Fontes militares afirmam que Hashim viajou ao estado indiano de Tamil Nadu, vizinho de Kerala, para manter contato com ativistas islâmicos.


Os comentários abaixo não representam a opinião do jornal Diario de Pernambuco; a responsabilidade é do autor da mensagem.