Diplomacia Turquia critica 'declarações irresponsáveis' de Netanyahu sobre colônias

Por: AFP - Agence France-Presse

Publicado em: 07/04/2019 13:52 Atualizado em:


A Turquia criticou neste domingo as "declarações irresponsáveis" do primeiro-ministro de Israel, Benjamin Netanyahu, que disse que prevê anexar as colônias israelenses na Cisjordânia ocupada, afirmando tratar-se de uma promessa eleitoral.

"A Cisjordânia é território palestino ocupado por Israel em violação do direito internacional. As afirmações irresponsáveis de primeiro-ministro Netanyahu visando garantir alguns votos antes de uma eleição geral", declarou o chefe da diplomacia turca, Mevlut Cavusoglu, no Twitter. 

No sábado, três dias antes das eleições israelenses, Netanyahu declarou se reeleito, pretende fazer a anexação de assentamentos israelenses na Cisjordânia ocupada. 

"As democracias ocidentais vão reagir ou permanecer quietas? Vergonha!", declarou Ibrahim Kalin, porta-voz do presidente turco, Recep Tayyip Erdogan, no Twitter.

Mais cedo, o porta-voz do partido de Erdogan (AKP, islamoconservador), Omer Celik, fez um apelo para "acabar com a loucura de Netanyahu".

As colônias instaladas nos territórios palestinos ocupados por Israel desde 1967 são ilegais sob a lei internacional, e grande parte da comunidade internacional as considera um dos principais obstáculos para alcançar a paz no Oriente Médio. 

Sua anexação por Israel poderia significar a morte definitiva da chamada solução de dois Estados, isto é, a criação de um Estado palestino que coexistiria com Israel.


Os comentários abaixo não representam a opinião do jornal Diario de Pernambuco; a responsabilidade é do autor da mensagem.