Ataques do Taleban deixam 10 mortos no Afeganistão

Por: AFP - Agence France-Presse

Publicado em: 06/04/2019 10:55 Atualizado em: 06/04/2019 11:00

Foto: Reprodução
Foto: Reprodução

Insurgentes mataram sete policiais e três civis em ataques no Afeganistão neste sábado, disseram autoridades locais. Tais ataques, atribuídos ao Taleban, tem se repetido nos últimos meses, mesmo com os militantes conversando com o enviado dos EUA, Zalmay Khalilzad para negociar uma retirada das tropas americanas.

Em uma visita a Cabul no início desta semana, Khalilzad pressionou por um "diálogo intra-afegão" - conversas que abrangeriam figuras proeminentes do Afeganistão, representantes do governo e da oposição, bem como o Taleban. O enviado norte-americano realizou várias rodadas de negociações com o Taleban, a última no mês passado, no Qatar, na qual ambos os lados disseram que houve progresso.

Apesar dessas conversações, o Taleban continua a atacar as forças afegãs. Os insurgentes, que controlam metade do país, recusam-se a falar diretamente com o governo de Cabul, considerando-o fantoche dos EUA.

Na província de Ghazni, no leste do país, o Taleban matou três policiais e feriu outros sete em ataques a postos de segurança, informou o porta-voz do chefe da polícia local, Ahmad Khan Serat. O grupo reivindicou a responsabilidade.

Na província de Sari Pul, no norte do país, pelo menos quatro policiais foram mortos quando o Taleban invadiu um posto de segurança, disse uma autoridade da província. Mohammad Noor Rahmani, chefe do conselho provincial, disse que outros cinco ficaram feridos no ataque na periferia da capital da província.

No leste da província de Nangarhar, explosões de duas bombas mataram pelo menos três civis, disse Attahullah Khogyani, um porta-voz do governador provincial. Nenhum grupos militantes pelos ataques em Sari Pul e Nangarhar.


Os comentários abaixo não representam a opinião do jornal Diario de Pernambuco; a responsabilidade é do autor da mensagem.