REINO UNIDO Barclay: Projeto aprovado ontem aumenta risco de Brexit sem acordo acidental

Por: AE

Publicado em: 04/04/2019 15:10 Atualizado em:

Secretário de Estado do Brexit do governo do Reino Unido, Stephen Barclay - Foto: Tolga Akmen/AFP
Secretário de Estado do Brexit do governo do Reino Unido, Stephen Barclay - Foto: Tolga Akmen/AFP
O secretário de Estado do Brexit do governo do Reino Unido, Stephen Barclay, afirmou nesta quinta-feira (4) que há um cenário em que o projeto de lei aprovado ontem na Câmara dos Comuns - e que agora vai para análise na Câmara dos Lordes -, visando excluir a possibilidade de um Brexit sem acordo, "aumenta o risco" de que essa saída turbulenta da União Europeia (UE) ocorra, "acidentalmente", de forma turbulenta.

Segundo o conservador, esse cenário se concretizaria se um acordo do Brexit não for aprovado antes de 10 de abril, quando haverá a reunião extraordinária do Conselho Europeu, e o Parlamento britânico então determinasse que o governo pedisse uma determinada extensão do prazo, mas os 27 Estados-membros remanescentes na UE decidissem oferecer um adiamento diferente.

"Sob os termos da legislação sendo analisada pelos Lordes, isso teria de voltar a esta Casa no dia seguinte, e nesse tempo o Conselho teria concluído" os seus trabalhos, disse Barclay, alertando sobre como a falta de tempo até o atual dia do Brexit - 12 de abril - poderia prender o governo à agenda legislativa e provocar uma separação sem acordo por "acidente". "Agora, está sujeito aos lordes decidir se vão corrigir o que eu vejo como um defeito."


Os comentários abaixo não representam a opinião do jornal Diario de Pernambuco; a responsabilidade é do autor da mensagem.