Embargo Alemanha prorroga congelamento de venda de armas à Arábia Saudita

Por: AFP - Agence France-Presse

Publicado em: 28/03/2019 22:20 Atualizado em:

Foto: Fernando Frazão/Agência Brasil (Foto: Fernando Frazão/Agência Brasil)
Foto: Fernando Frazão/Agência Brasil
O governo da Alemanha anunciou nesta quinta-feira (28) a prorrogação, por mais seis meses e até 30 de setembro, do congelamento da venda de armas à Arábia Saudita adotado em outubro, após o assassinato do jornalista Jamal Khashoggi.

"A ordem de suspensão para as exportações de armas à Arábia Saudita se mantém além de 31 de março e por mais seis meses, até 30 de setembro de 2019", afirmou o porta-voz do governo Steffen Seibert.

Sócios da Alemanha na UE criticaram o embargo de armas alegando que a medida tem impacto direto nos projetos conjuntos de defesa, como os aviões de caça Eurofighter e Tornado.

Mas a decisão tem o apoio do partido Social Democrata (SPD), integrante da aliança de governo ao lado do conservador CDU, da chanceler Angela Merkel.

"Nos opomos à exportação do material de defesa para ditaduras e zonas em conflito", declarou o vice-líder do SPD, Ralf Stegner.

A Alemanha é um dos maiores exportadores de armas do planeta, ao lado de Estados Unidos, Rússia, China, França e Grã-Bretanha.


Os comentários abaixo não representam a opinião do jornal Diario de Pernambuco; a responsabilidade é do autor da mensagem.