EUA Kudlow espera retaliação após aumento de tarifas sobre produtos chineses

Por: Agência Estado

Publicado em: 12/05/2019 12:35 Atualizado em:

O principal assessor econômico do presidente dos Estados Unidos diz que espera uma retaliação da China ao aumento das tarifas de importação anunciada na última sexta-feira por Trump, depois que as negociações com os chineses terminaram sem acordo.

Larry Kudlow disse à Fox News que o plano do presidente Donald Trump de aumentar as tarifas dos EUA para 25% pode levar meses para entrar em vigor.

Os Estados Unidos começaram a elevar as tarifas para o equivalente a US$ 200 bilhões em produtos importados da China de 10% para 25% na sexta-feira, depois que autoridades americanas acusaram Pequim de retroceder nos compromissos assumidos nas rodadas anteriores de negociações.

Os EUA alegam que a China se apodera de tecnologia e pressiona as empresas americanas a revelar segredos comerciais, como parte de uma campanha agressiva para transformar empresas chinesas em líderes mundiais em robótica, carros elétricos e outras indústrias avançadas. Fonte: Associated Press.


Os comentários abaixo não representam a opinião do jornal Diario de Pernambuco; a responsabilidade é do autor da mensagem.