reforma da previdência CNI/Ibope: 59% dos brasileiros acham que é preciso reformar a Previdência

Por: Deborah Fortuna

Publicado em: 08/05/2019 10:42 Atualizado em:

Foto: Arquivo/Agência Brasil
Foto: Arquivo/Agência Brasil
A maioria dos brasileiros acredita que é preciso fazer uma reforma na Previdência, conforme mostrou uma pesquisa realizada pela Confederação Nacional da Indústria (CNI), em parceria com o Ibope. Os dados foram divulgados na manhã desta quarta-feira (8/5). Segundo o documento, 59% dos entrevistados concordam com a mudança, enquanto 36% são contrários. Ao todo, 5% não souberam responder. 

A aprovação da reforma é maior entre os homens (63%), os que têm ensino superior (68%) e os que têm renda superior a cinco salários mínimos (73%). Entre as mulheres, a reforma é aprovada por 54%. 

A pesquisa, feita pelo Ibope Inteligência, ouviu 2 mil pessoas em 126 municípios entre os dias 12 e 15 de abril. A margem de erro é de 2 pontos percentuais e o grau de confiança é de 95%. 

Entretanto, apenas 36% dos entrevistados admitiram conhecer a proposta do governo em tramitação no Congresso Nacional. Entre eles, apenas 6% disseram ter amplo conhecimento do texto, e 30% afirmaram conhecer apenas os principais pontos. Entre os que disseram conhecer o texto, 51% são contra e 39% são a favor a proposta. 

Além disso, a pesquisa também mostrou que 83% dos brasileiros não são dispostos a pagar mais impostos para manter o atual sistema previdenciário. 

Igualdade
Segundo o documento, 79% dos brasileiros sabem que as regras de aposentadoria não são iguais para todos, e sete em cada dez pessoas concordam que a existência de regras prejudica o restante da população. Entre os entrevistados, 71% concordam que todos deveriam estar sujeito às mesmas regras, enquanto 26% discordam da igualdade de acesso à aposentadoria. 

Entretanto, quando questionados, a maioria (62%) concorda que as mulheres tenham normas diferentes das dos homens. Assim como também acreditam que os trabalhadores rurais, professores, policiais e militares tenham regras distintas. 

Idade mínima
Na pesquisa, 72% responderam que são a favor de uma idade mínima. Para 80%, as pessoas deveriam se aposentar com 60 anos ou menos, enquanto 19% acreditam que deveria ser com 61 anos ou mais. 

Dados
 
Concorda ou discorda que é preciso reforma a Previdência
59% a favor

36% contra

5% não sabe/não respondeu 

1% não discorda nem discorda 

Grau de conhecimento da proposta da reforma da Previdência
6% tem amplo conhecimento 

30% conhece os principais pontos

31% não sabe o conteúdo 

23% não sabe que o governo apresentou a proposta

10% não sabe/não respondeu 

Reforma apresentada pelo governo (considerando apenas pessoas que inforaram conhecer a atual proposta)
39% a favor da reforma apresentada pelo governo

51% é contra 

10% não sabe/não respondeu 

Idade mínima
6% acredita que deve ser com 65 anos ou mais 

13% acredita que deve ser entre 61 anos e 64 anos 

33% acredita que deve ser entre 56 anos a 60 anos 

25% acredita que deve ser entre 51 anos e 55 anos 

22% acredita que deve ser com 50 anos ou mais 

1% não sabe/não respondeu 

Todas as pessoas deveriam se aposentar seguindo as mesmas regras?
53% concorda totalmente

18% concorda em parte 

1% não concorda, nem discorda 

14% discorda em parte 

12% discorda totalmente 

3% não sabe/não respondeu 


Os comentários abaixo não representam a opinião do jornal Diario de Pernambuco; a responsabilidade é do autor da mensagem.