PEC Reforma da Previdência exige atenção política enorme, diz secretário

Por: Estado de Minas

Publicado em: 25/04/2019 20:02 Atualizado em:

Foto: Fabio Rodrigues Pozzebom/Agência Brasil (Foto: Fabio Rodrigues Pozzebom/Agência Brasil)
Foto: Fabio Rodrigues Pozzebom/Agência Brasil
O secretário especial de Produtividade, Emprego e Competitividade do Ministério da Economia, Carlos da Costa, disse que a reforma da Previdência exige uma atenção política enorme para ser aprovada. De acordo com ele, são os processos legislativos e de discussão, inclusive com a sociedade, que fazem as coisas andarem.

Carlos da Costa participa de debate que compõe o painel "A indústria 4.0 como novo motor para a retomada do crescimento" que, por sua vez, compõe o seminário "O Brasil Quer Mais (BR+)" que a International Chamber of Commerce (CCI) realiza em São Paulo nesta quinta-feira (25).

O secretário fez estas afirmações ao responder pergunta da plateia sobre se as medidas que sua secretaria pretende desenvolver dentro do Programa Brasil 4.0, a ser lançado em maio, receberão a mesma atenção que tem recebido a proposta para a reforma previdenciária.

Embora admita que alguns pontos das propostas que compõem o Brasil 4.0 devam ser objetos de resistências, ele disse que a reforma da Previdência é merecedora maior da atenção política.


Os comentários abaixo não representam a opinião do jornal Diario de Pernambuco; a responsabilidade é do autor da mensagem.