festa Falamansa agita Arraiá dos Milagres no Recife Evento acontece nesta sexta-feira no Itaipava 14, a partir das 22. Além da banda paulista, sobem ao palco da festa nomes como Geraldinho Lins, Léo Verão e Trio Cordel

Por: Mabson Rodrigues - Diario de Pernambuco

Por: Viver/Diario - Diario de Pernambuco

Publicado em: 23/05/2019 19:05 Atualizado em: 23/05/2019 19:17

Banda se apresenta no evento pela terceira vez consecutiva. Foto: Divulgação
Banda se apresenta no evento pela terceira vez consecutiva. Foto: Divulgação

Abrindo oficialmente os festejos que antecedem o São João, a banda Falamansa desembarca no Recife nesta sexta-feira (24) para a apresentação de seu novo show. Em turnê comemorativa pelos 20 anos de estrada, o grupo é a atração principal do Arraiá dos Milagres, evento que acontece a partir das 22h, no Itaipava 14, localizado no Bairro do Recife. Destaque no calendário recifense, a festa vai contar ainda com a participação de nomes como Geraldinho Lins, Léo Verão e Trio Cordel. Os ingressos para a farra custam R$ 60 (meia), R$ 75 (social) e R$ 100 (open bar) e estão disponíveis nas lojas VitaBrasil e Chilli Beans e online no site Bilheteria Digital.

Formada pelos músicos Tato (voz e violão), Alemão (zabumba), Dezinho (triângulo e percussão) e Valdir (acordeão), a Falamansa completou recentemente duas décadas de música e tradição. Com 12 CDs lançados, um Grammy Latino na categoria Melhor Álbum de Música Regional, 2 DVDs e participações nas trilhas sonoras das novelas O Clone, Ribeirão do Tempo, Malhação e As Aventuras de Poliana, a banda é considerada uma das principais representantes do forró tradicional no país e está em turnê por todo o Brasil em divulgação ao DVD 20 Anos, além de apresentações marcadas nos Estados Unidos e na Europa.

Para o vocalista da Falamansa, Tato Cruz, os vintes anos do quarteto podem ser definidos como uma singela representação da perseverança. "Lá se vão vinte anos olhando pro mesmo horizonte, com os mesmos objetivos, acreditando, nos mesmos ideais. Com certeza essa fidelidade ao que buscamos desde o início, fez a nossa história perpetuar na vida das pessoas, passando agora pra uma nova geração. E que venha mais história por aí!", disse o cantor em entrevista ao Viver.

Conhecidos por apresentar uma sonoridade composta por melodias onde imperam forró pé de serra, xote, baião e por uma diversidade de faixas que misturam romantismo, humor e motivação, o grupo foi um dos responsáveis por trazer o forró para públicos mais jovens, principalmente nos anos 2000, época onde o funk dominava o topo das paradas de sucesso. Com relação ao processo criativo das composições, o vocalista revelou ainda que a banda sempre teve a preocupação em produzir canções com temáticas que o público se identificasse.

"Compor é o meu barato. Eu entendo a letra de uma música como primordial para a educação de uma sociedade, então gosto de temas que façam bem. Alegria, fé, amor, amizade, consciência ambiental. Enfim, tudo que agrega positivamente quem estiver ouvindo", afirmou Tato.

Donos dos hits Rindo à toa, Xote dos Milagres, Confidências e Amigo Velho, o grupo paulista promete aquecer a noite recifense com um setlit repleto de seus maiores sucessos e ainda faixas do Falamansa 20 Anos, Ao Vivo Entre Amigos, trabalho mais recente da banda, gravado ano passado em Vitória, no Espírito Santo. Na ocasião, os músicos vão prestar homenagens a diversos compositores do forró nacional, entre eles Gonzaguinha, Dominguinhos e Luiz Gonzaga.

Serviço
Arraiá dos Milagres com Falamansa, Geraldinho Lins, Léo Verão e Trio Cordel
Quando: Sexta-feira, 24 de maio
Onde: Itaipava 14, às 22h
Quanto: R$ 60 (meia), R$ 75 (social) e R$ 100 (open bar), à venda nas lojas VitaBrasil e Chilli Beans e online no site Bilheteria Digital.


Os comentários abaixo não representam a opinião do jornal Diario de Pernambuco; a responsabilidade é do autor da mensagem.