Depoimento Mulher vai dizer que Neymar ficou agressivo por ter que usar camisinha

Por: FolhaPress - FolhaPress

Por: Mônica Bergamo

Publicado em: 05/06/2019 20:10 Atualizado em:

Foto: Andrej Isakovic/AFP (Foto: Andrej Isakovic/AFP)
Foto: Andrej Isakovic/AFP
A desavença entre a mulher que acusa Neymar de estupro e o jogador começou quando a suposta vítima exigiu que ele usasse camisinha para a relação sexual. Neymar, com dificuldade, teria ficado agressivo.

O relato é da advogada Yasmin Pastore Abdalla, responsável pela defesa da jovem - que pretende relatar a história para os investigadores da 6ª Delegacia de Defesa da Mulher em depoimento ainda nesta semana. Ela deve também falar rapidamente com a imprensa em uma coletiva.

A mulher também vai dizer aos delegados que quis ver %u200BNeymar no dia seguinte à agressão para entender o que houve. Foi no segundo encontro que ela teria conseguir registrar o jogador em uma gravação em vídeo.

A demora da suposta vítima em se apresentar à Justiça teria sido uma estratégia para resguardar a segurança dela e da família. A mulher estaria hospedada com o filho na casa da advogada.

Os comentários abaixo não representam a opinião do jornal Diario de Pernambuco; a responsabilidade é do autor da mensagem.