• Compartilhar no Facebook Compartilhar no Twitter Compartilhar no Google Plus Enviar por whatsapp Enviar por e-mail Mais
Exposições Instituições oferecem programação gratuita na Semana Nacional dos Museus Realizada desde 2003, ação nacional tem participação de 1236 instituições, sendo 53 delas em Pernambuco, e atrai milhares de pessoas aos equipamentos culturais

Por: Viver/Diario - Diario de Pernambuco

Publicado em: 16/05/2016 15:48 Atualizado em: 17/05/2016 09:55

O Instituto Ricardo Brennand também foi eleito o melhor museu da América do Sul no ano passado. Foto: Ricardo Fernandes/DP/DA Press
O Instituto Ricardo Brennand também foi eleito o melhor museu da América do Sul no ano passado. Foto: Ricardo Fernandes/DP/DA Press
Cinquenta e três instituições museológicas e culturais de Pernambuco abrem as portas com entrada franca, de segunda a sexta-feira (16 a 20/05), várias delas com programação especial. A iniciativa faz parte da 14ª Semana Nacional dos Museus, cujo tema é Museus e Paisagens Culturais. A programação completa pode ser acessada no portal guiadaprogramacao.museus.gov.br.
 
“Além de reforçar o papel sociocultural das instituições museais, a ação enfatiza a necessidade da valorização das culturas e da diversidade paisagística do país, que possui um riquíssimo mosaico de bens culturais", comenta a presidente da Fundarpe, Márcia Souto.

Nesta terça (17), às 14h, no Centro Cultural Benfica (Rua Benfica, 157, Madalena), haverá o seminário Recife e seus contextos urbanos. Às 15h, no Museu do Trem (Rua Floriano Peixoto, s/n, São José), o pesquisador William Edmundson lança o livro A Gretoeste: A história da Rede Ferroviária Great Western of Brazil e conversa com o público sobre a influência da empresa ferroviária na transformação das paisagens culturais de Pernambuco. 
 
Na quarta-feira, às 16h20, o Instituto Ricardo Brennand (Alameda Antônio Brennand, s/n, Várzea) sedia espetáculo de teatro de sombras inspirado no romance Homens e caranguejos, de Josué de Castro. A entrada no local é gratuita até domingo mediante inscrição antecipada através do email formacao.oficinas@institutoricardobrennand.org.br.

De quarta-feira a sábado, sempre às 9h, o Museu da Cidade do Recife (Praça das Cinco Pontas, s/n, São José) promove contação de histórias teatralizadas a partir de elementos da cultura do açúcar. Na sexta-feira, às 16h, o Museu de Anatomia Comparada da UFRPE (Rua Manoel de Medeiros, s/n, Dois Irmãos) realiza a palestra  Biodiversidade do Velho Rio Capibaribe. 

Em algumas instituições, a programação se prolonga até o final de semana. No sábado, às 14h, haverá no Paço do Frevo (Praça do Arsenal, s/n, Bairro do Recife) o sarau Falando para o Mundo, em que os visitantes são convidados a cantar, recitar poesias e contar histórias relacionadas ao frevo. Mais tarde, às 16h, artistas e agremiações se apresentam. Já o Museu de Arte Sacra de Pernambuco (Rua Bispo Coutinho, 276, Alto da Sé, Olinda) realiza, às 10h do sábado, oficina Azulejar, comandada pelo artista Emerson Pontes, e cujo objetivo será ensinar aos participantes uma técnica de impressão sobre papel semelhante a azulejos. 

No domingo, às 14h, o Maspe também será palco do recital de poesia Sociedade dos Poetas Vivos de Olinda. No mesmo dia e horário, o Museu de Arte Moderna Aloísio Magalhães (Rua da Aurora, 265, Boa Vista) coordena um “rolezinho fotográfico” pelas ruas do Recife, com finalização em lambe-lambe.


Os comentários abaixo não representam a opinião do jornal Diario de Pernambuco; a responsabilidade é do autor da mensagem.