Ministério da Defesa Segundo Guedes, Forças Armadas não terão recursos contingenciados, diz Bolsonaro "Ele que manda na Economia", reforçou o presidente eleito

Por: AE

Publicado em: 06/11/2018 13:34 Atualizado em:

Foto: Reprodução / Twitter
Foto: Reprodução / Twitter
O presidente eleito Jair Bolsonaro reafirmou nesta terça-feira (6) que o economista Paulo Guedes é quem "manda na economia". A afirmação foi feita por Bolsonaro ao chegar ao Ministério da Defesa para um almoço e ser questionado sobre se as Forças Armadas terão mais recursos. 

"Segundo Paulo Guedes, as Forças Armadas não terão recursos contingenciados. Segundo Paulo Guedes, ele que manda na Economia", reforçou o presidente eleito. "Eu acho que nada mais justo, é um reconhecimento às Forças Armadas não contingenciar recursos, que são tratados com tanto zelo pelas Forças Armadas, e que grandes serviços prestam ao Brasil, especialmente em momentos difíceis que a Nação atravessa", completou Bolsonaro.

Guedes, futuro ministro da Economia do governo Bolsonaro, almoça nesta terça-feira com o presidente eleito no Ministério da Defesa. Também participam o general Augusto Heleno, os filhos de Bolsonaro, Gustavo Bebianno, o vice-presidente eleito Hamilton Mourão, entre outros


Os comentários abaixo não representam a opinião do jornal Diario de Pernambuco; a responsabilidade é do autor da mensagem.