ELEIÇÕES 2018 Reforço de egressos do serviço militar Candidato da coligação Pernambuco Vai Mudar apresentou ontem propostas para reverter o crescimento da criminalidade em Pernambuco

Por: Rosália Rangel - Diario de Pernambuco

Publicado em: 11/09/2018 08:26 Atualizado em:

Foto: Ricardo Labastier/Divulgacao
Foto: Ricardo Labastier/Divulgacao
Ao apontar ontem propostas para reverter o crescimento da criminalidade no estado, o candidato da coligação Pernambuco Vai Mudar, senador Armando Monteiro (PTB), citou a possibilidade de substituir policiais militares, que atuam em funções administrativas, por quadros oriundos das Forças Armadas. “Podemos ampliar os efetivos, colocando em funções administrativas, por exemplo, egressos do serviço militar. Em vez de ter policiais treinados fazendo funções administrativas, na retaguarda, vamos liberá-los para que eles possam ir para rua. E vamos colocar nessas funções jovens ou pessoas egressas do serviço militar”, ressaltou.

Na avaliação do petebista, tal alternativa “é uma medida prática, que implica em usar o efetivo, que já é da folha do estado. Não significa aumento de gastos”, observou. O candidato falou sobre o assunto em entrevista concedida ao telejornal NE1, da Rede Globo. Ele também reafirmou a disposição de chamar para si a responsabilidade do problema que, segundo ele, tem tirado a tranquilidade da população. “Vamos assumir a coordenação (da segurança), restabelecer a autoridade e resgatar o Pacto Pela Vida”, garantiu.

À noite, durante caminhada em San Martin, lembrou aos moradores que a campanha está na reta final e falou da necessidade de fazer “uma grande corrente” para conseguir atrair o eleitor da RMR. “Estou muito animado. E quero aqui dar um recado para a juventude. Não percam a crença, a esperança. Vamos trabalhar junto com vocês pelo emprego, capacitação profissional e qualificação”, afirmou. Ele também pediu o voto casado para eleger a chapa completa, com Mendonça Filho (DEM) e Bruno Araújo (PSDB) ao Senado.

Ontem, a coligação de Armando iniciou a divulgação nas redes sociais do petebista e também em inserções na TV de filmetes com críticas à gestão do governador Paulo Câmara (PSB). “Todo mundo sabe que no atual governo o nosso estado não andou nada bem. Não teve remédio que melhorasse a saúde, a segurança, a educação. Aí é aquela história: quando o remédio não funciona na primeira vez, ninguém toma de novo, né?”, diz o texto do vídeo. Hoje, o material focará a segurança. 
 


Os comentários abaixo não representam a opinião do jornal Diario de Pernambuco; a responsabilidade é do autor da mensagem.