Câmara Grupo de deputados reproduz latidos durante homenagem a Marielle

Por: Correio Braziliense

Publicado em: 14/03/2019 13:19 Atualizado em:

Foto: Michel Jesus/Câmara dos Deputados
Foto: Michel Jesus/Câmara dos Deputados
Um clima de mal-estar marcou o ato organizado pelo PSol em homenagem à vereadora do Rio de Janeiro Marielle Franco, na manhã desta quinta-feira (14), no Salão Verde da Câmara dos Deputados. 

Enquanto os deputados do partido da vereadora, assassinada há um ano, cobravam explicações às autoridades sobre o mandante do crime, um outro grupo de parlamentares ligou caixas de som que emitiram sons de latidos de cachorros. 
 
 O grupo responsável por produzir o barulho, justificou o uso de latidos afirmando que se tratava de um ato em defesa dos direitos dos animais, mas o mal-estar foi invitável.

Entre os apoiadores do ato pró-animais, estava o deputado Daniel Silveira (PSL-RJ) que participou do ato realizado no Rio ano passado no qual foi rasgada uma placa em homenagem a Marielle


Os comentários abaixo não representam a opinião do jornal Diario de Pernambuco; a responsabilidade é do autor da mensagem.