Casa Forte Festa da Vitória Régia chega aos 40 anos

Por: Diario de Pernambuco

Publicado em: 08/11/2018 08:11 Atualizado em: 08/11/2018 08:30

Foto: Roberto Ramos/DP
Foto: Roberto Ramos/DP
A Festa da Vitória Régia chega aos 40 anos cheia de vida, agradecimento e mais inclusiva que nunca. A partir desta sexta-feira (9) até domingo (11) ela vai reinar absoluta na Praça de Casa Forte homenageando todas as pessoas que fizeram e fazem-na acontecer desde 1978 com o objetivo de servir aos mais necessitados. Do passado, ela traz de volta o desfile itinerante de uma bandinha de música e dos dias atuais, apresentações de grupos musicais com e para portadores de deficiência e, barraca de mães que enfrentam, com garra, o problema da microcefalia. 

Nos três dias do festejo, pouco mais de mil trabalhadores voluntários vão se juntar a 150 profissionais de segurança para garantir ordem, alegria e tranquilidade aos moradores e amigos da Paróquia Sagrado Coração de Jesus, de Casa Forte. A previsão é de que 50 mil pessoas transitem por entre barracas de bebida, comida, brinquedo, artesanato e livro. Confiram a Exposição Vitória Régia em Fotos e acompanhem os shows de música e dança levados no palco central. Isso, sem abrir mão das opções esportivas que acontecem no sábado e domingo e a reinação de crianças que dão asas à imaginação pintando a praça e brincando com o Palhaço Chocolate. 

Todo mundo que participa da Vitória Régia tem consciência que está ali para ajudar a manter em funcionamento as obras assistenciais e pastorais da Paróquia de Casa Forte, administrada pelo padre Deyvson Soares. São serviços de caridade, vida em família, catequese, educação e acolhimento aos mais necessitados. A Casa da Criança Marcelo Asfora é o alvo principal. Ela atende há 25 anos, 120 crianças na faixa etária dos 7 aos 14 anos de idade, garantindo-lhes além do ensino fundamental, práticas esportivas, artísticas, alimentação e assistência médica de qualidade. 

Programação

Quatro colégios da zona norte do Recife abrem a agenda de shows programados para o primeiro dia da 40ª Festa da Vitória Régia. Depois, os grupos Vates e Violas que contará com recurso de autodescrição para cegos e pessoas com limitação visual; Os Sons do Silencio formada por músicos surdos-mudos e o som caribenho de Los Cubanos tomam conta do palco. No sábado, tem corrida às 16h e a Banda Coquetel Light é a atração das 18h. O folclore do Pastoril vem em seguida, abrindo espaço depois para a Banda Toca do Cuco, Os Tártaros e Som de Vinil. Às 23h, fecham-se as cortinas. O domingo começa às 8h com o Passeio Ciclístico pelo bairro. Depois, as crianças ocupam o espaço até às 19h quando o Grupo Éfata faz o número de encerramento e convoca o público para a volta  em 2019.   



Os comentários abaixo não representam a opinião do jornal Diario de Pernambuco; a responsabilidade é do autor da mensagem.