Abastecimento Obra de implantação de sistema de esgotamento sanitário avança em Jaboatão dos Guararapes Trecho da Avenida Bernardo Vieira de Melo foi interditado para permitir assentamento de rede coletora

Publicado em: 06/11/2018 14:06 Atualizado em: 06/11/2018 14:39

Imagem: Compesa/Divulgação
Imagem: Compesa/Divulgação

A Companhia Pernambucana de Saneamento (Compesa) avança com a obra de implantação do Sistema de Esgotamento Sanitário (SES) de Jaboatão dos Guararapes, na Região Metropolitana do Recife. Uma frente de trabalho está atuando para assentar uma rede coletora de esgotos no cruzamento da Avenida Bernardo Vieira de Melo com a Rua Alfredo Régis de Lima Mota, no bairro de Candeias. Como parte do trabalho que está sendo realizado implica em assentar uma tubulação de esgotos cruzando a Avenida  Bernardo Vieira de Melo, ontem (5), foi preciso iniciar uma interdição no trânsito nos dois sentidos desta avenida, que deverá ser finalizada até a sexta-feira (9). 

Para minimizar o impacto  para a população, a Compesa, a Prefeitura de Jaboatão dos Guararapes e a Empresa Municipal de Trânsito e Transporte do Jaboatão dos Guararapes (EMTT) organizaram um desvio no trânsito no local. Assim, quem trafega pela Avenida Bernardo Vieira de Melo, sentido Barra de Jangada/ Recife, deverá pegar o desvio à esquerda na Rua Químico Antônio Victor, e seguir até a Avenida Presidente Castelo Branco, podendo retornar à Avenida Bernardo Vieira de Melo pela Rua Major Médico Vicente Fonseca.

Até o momento, já foram implantados mais de 22 mil metros de coletores de esgoto, atingindo mais de 37% da primeira fase prevista para a obra de implantação do SES de Jaboatão dos Guararapes, que abrange parte dos bairros de Candeias, Piedade e Barra de Jangada. Nessa etapa, 55 mil pessoas serão beneficiadas com serviços de coleta e tratamento de esgoto. Os serviços de escavações e assentamento de rede coletora de esgoto já foram realizados em 53 ruas de Candeias, e agora também são executadas em Piedade. Além da Avenida Bernardo Vieira de Melo, as frentes de serviços estão localizadas na Avenida Abdo Cabus e na Rua Maria Digna Gameiro.

O empreendimento é realizado pelo Programa Cidade Saneada, a Parceria Público-Privada entre a Compesa e a BRK Ambiental. Essa fase da obra, que prevê a implantação de 61 mil metros de rede coletora, a construção de uma estação de tratamento e de cinco estações de bombeamento de esgoto, recebe o investimento de R$ 85 milhões e tem o prazo de conclusão em julho de 2019.


Os comentários abaixo não representam a opinião do jornal Diario de Pernambuco; a responsabilidade é do autor da mensagem.