Eleições Em ato com artistas pernambucanos, Armando defende valorização da cultura local No evento, os artistas apresentaram a Armando uma pauta com cinco demandas voltadas para a valorização da cultura local

Por: Diario de Pernambuco

Publicado em: 13/09/2018 20:59 Atualizado em:

Foto: Ricardo Labastier/Divulgação
Foto: Ricardo Labastier/Divulgação
O candidato ao governo pela coligação Pernambuco Vai Mudar, senador Armando Monteiro (PTB) encontrou representantes da música no estado e defendeu a valorização da cultura pernambucana em reunião que aconteceu no comitê do postulante, em Boa Viagem, na Zona Sul do Recife. Além dos artistas, no local, também estiveram presentes estiveram os candidatos ao Senado, Mendonça Filho (DEM) e Bruno Araújo (PSDB) e a vice-governador, Fred Ferreira (PSC).

O encontro deu início ao diálogo que Armando busca instituir com o setor para reforçar a identidade cultural e fortalecer a economia criativa do estado. A reunião contou com artistas como Alcymar Monteiro, Cristina Amaral, Marcelo Melo (Quinteto Violado), Nena Queiroga, André Rio, Irah Caldeira, Sérgio Andrade (Banda de Pau e Corda), Nádia Maia, Marrom Brasileiro, Rogério Andrade, Luciano Magno, Nonô Germano e Ed Carlos, além de produtores como Afonso Oliveira e Rogério Robalinho.

No evento, existiram algumas críticas à gestão do setor cultural no estado. Alcymar Monteiro, que declarou apoio a Armando afirmou que "o governador propôs a extinção da Secretaria de Cultura. Uma pessoa que trata os artistas como ele trata não tem sensibilidade".

Além da conversa, os artistas aproveitaram o evento com o candidato e apresentaram a Armando uma pauta com cinco demandas voltadas para a valorização da cultura local e ainda para a desburocratização da contratação de apresentações, além do pagamento dos cachês com mais celeridade. 
 


Os comentários abaixo não representam a opinião do jornal Diario de Pernambuco; a responsabilidade é do autor da mensagem.