retorno Ariana Grande volta a Manchester dois anos depois de atentado em show da cidade Cantora é considerada 'cidadã honorária' pelas autoridades locais, após homenagear vítimas de homem-bomba

Por: Estadão Conteúdo - Estadão Conteúdo

Publicado em: 26/02/2019 15:10 Atualizado em: 26/02/2019 15:11

Foto: Robin Beck/AFP Photo
Foto: Robin Beck/AFP Photo

Ariana Grande confirmou que vai subir no palco do LGBT Pride Live, no dia 25 de agosto deste ano, em Manchester, dois anos depois do atentado em que um homem-bomba matou 22 pessoas durante um show dela na cidade inglesa. As informações são da Associated Press.

"Estamos honrados em receber Ariana de volta para nos ajudar a celebrar a vida LGBT", disse o presidente-executivo do evento Mark Fletcher.

Depois da tragédia, Ariana ajudou a organizar um concerto memorial em homenagem às vítimas, o que elevou sua reputação em Manchester. Ela ficou conhecida pelas autoridades locais como "cidadã honorária" devido ao seu trabalho solidário após o ataque.


Os comentários abaixo não representam a opinião do jornal Diario de Pernambuco; a responsabilidade é do autor da mensagem.