Música Parceria de Jurema Fox e Nena Queiroga une passinho dos malokas e frevo 'Pernambuco é terra do grevo, mas é do brega também, por que esses dois fenômenos populares não podem dialogar entre si?', questiona a drag queen, interpretada pelo ator Reyson Santos

Por: Emannuel Bento - Diario de Pernambuco

Publicado em: 22/02/2019 17:25 Atualizado em: 22/02/2019 17:37

O clipe tem direção e produção de Ítalo Monteiro, responsável pela PROREC. Foto: Dua Assessoria/Divulgação
O clipe tem direção e produção de Ítalo Monteiro, responsável pela PROREC. Foto: Dua Assessoria/Divulgação

As batidas eletrônicas e modernas do brega-funk se encontram com os sopros tradicionais do frevo em uma música lançada pelas pernambucanas Jurema Fox e Nena Queiroga. É uma regravação de Chuva de sombrinhas, clássico composto por Queiroga e André Rio que aparece com novos arranjos produzidos por Duca do Baixo, nome conhecido no movimento do brega. Gravado nas ladeiras de Olinda, o clipe também conta com dançarinos do grupo Passinho S.A, da comunidade de Santo Amaro, que fazem coreografias com passistas de frevo.

A iniciativa para o projeto foi de Jurema, apresentadora do programa Agora é hora, da TV Clube. "Pernambuco é terra do grevo, mas é do brega também, por que esses dois fenômenos populares não podem dialogar entre si?", questiona a drag queen, interpretada pelo ator Reyson Santos, em comunicado divulgado para a imprensa. "Quando tive a ideia de chamar a Nena para participar desse projeto, eu achei que era algo impossível. Mesmo assim tentei e, para minha surpresa, ela aceitou na hora".

"A Nena é referência da cultura pernambucana, fico muito feliz em possibilitar esse diálogo entre esses dois ritmos que Pernambuco ama, e mais feliz ainda em ver os jovens da periferia ouvindo e dançando um frevo consagrado, unindo sem pré conceito esses dois ritmos", finaliza.

O clipe foi gravado no dia 9 de fevereiro, data em que é comemorado o aniversário do frevo. Além de Jurema Fox e Nena Queiroga, o vídeo conta com a participação do poeta Toinho Mendes, que narrando o clipe como um personagem que anuncia essa fusão de ritmos sem preconceitos. O vídeo tem direção e produção de Ítalo Monteiro, responsável pela PROREC.

Assista ao clipe:



Os comentários abaixo não representam a opinião do jornal Diario de Pernambuco; a responsabilidade é do autor da mensagem.