música Beyoncé e Jay-Z oferecem ingressos por 30 anos a fãs que virarem veganos

Por: AFP - Agence France-Presse

Publicado em: 01/02/2019 09:03 Atualizado em: 01/02/2019 09:39

O 'personal trainer' de Beyoncé, Marco Borges, está por trás desse projeto. Foto: AFP
O 'personal trainer' de Beyoncé, Marco Borges, está por trás desse projeto. Foto: AFP
O casal de músicos Beyoncé e Jay-Z está estimulando seus fãs a se tornarem veganos por um mês, com um concurso que dará ao felizardo ganhador ingressos gratuitos para os seus shows por 30 anos.
 
Beyoncé anunciou o desafio aos seus 123 milhões de seguidores no Instagram na quarta-feira à noite, dizendo que apoiava o Greenprint Project, que promove a adoção de uma dieta vegana parcial para limitar a pegada ecológica.

Os fãs podem se inscrever no concurso on-line e um deles será escolhido aleatoriamente para ganhar um par de ingressos por ano durante 30 anos para shows de Beyoncé e/ou Jay-Z, que tem um valor estimado em 12.000 dólares. 

A superestrela, conhecida também por seu inovador álbum "Lemonade", disse que não comerá carne às segundas-feiras e que estava optando por cafés da manhã à base de plantas, enquanto seu marido e magnata do rap, Jay-Z, se comprometeu a fazer com que duas de suas refeições diárias sejam à base de vegetais. 
 
O 'personal trainer' de Beyoncé, Marco Borges, está por trás desse projeto.  
 
A cantora de R&B; expressou abertamente ter praticado o veganismo no passado, ao adotar a dieta antes de sua impressionante atuação em maio de 2018 no festival de música Coachella, um ano após dar à luz gêmeos. 
 
As cantoras Miley Cyrus e Ariana Grande se uniram à promoção do veganismo, que proíbe o consumo de todos os produtos de origem animal, incluindo carne, laticínios, ovos e mel, além do uso de couro. Pesquisas mostraram que a redução do consumo de carne e laticínios pode melhorar a saúde do planeta, reduzindo o uso de terras agrícolas e as emissões de gases de efeito estufa que aquecem o planeta.



Os comentários abaixo não representam a opinião do jornal Diario de Pernambuco; a responsabilidade é do autor da mensagem.