Música Vitor Araújo, pronto para o salto no exterior Novo trabalho do pernambucano será lançado no exterior pelo selo austríaco Nutriot Recordings

Publicado em: 27/01/2019 16:43 Atualizado em:

Foto: Renata Simões/Divulgação.
Foto: Renata Simões/Divulgação.
Em fase de preparação para o lançamento internacional do disco Levaguiã terê (2016), em março, o compositor, orquestrador e instrumentista pernambucano Vitor Araújo lançou, na sexta-feira (25), um clipe inédito para a música Toque n.1, faixa de abertura do álbum. O trabalho será lançado no exterior pelo selo austríaco Nutriot Recordings e distribuído tanto em plataformas digitais como numa edição em vinil. 

A edição, em gatefold e com LP duplo, teve a arte gráfica remodelada pelo artista criador da identidade visual do disco, Raul Luna, que elaborou especialmente para a tiragem em vinil uma nova capa e um novo desdobramento dos materiais gráficos já presentes na edição brasileira em CD duplo, lançada pela Natura Musical.

No clipe de Toque n.1, Luna constrói, em vermelho e preto, uma narrativa cosmogônica utilizando apenas samples, através de um processo denominado por ele como “arqueologia Google”. Evoluindo de momentos abstratos para momentos mais figurativos, o vídeo vai da explosão inicial criadora de tudo até o nascimento da cultura.

Vitor Araújo executou o piano, as vozes e os órgãos de tubo em Toque n.1 e escreveu a partitura de todos os instrumentos presentes na música. A faixa conta com quase 40 músicos, onde ogãs de terreiros de Recife nas percussões de candomblé se encontram com uma orquestra de formação sinfônica. O trabalho tem inspirações que vão de Villa-Lobos e Tom Jobim ao filme-animé Akira, de Katsuhiro Otomo.


Os comentários abaixo não representam a opinião do jornal Diario de Pernambuco; a responsabilidade é do autor da mensagem.