Exposição Mostra gratuita Mistérios do Planeta inicia temporada de 2019 na Arte Plural Galeria São 23 obras, entre telas, esculturas e fotografias, produzidas por 12 artistas plásticos e três fotógrafos

Por: Emannuel Bento - Diario de Pernambuco

Publicado em: 22/01/2019 11:06 Atualizado em:

Foto: Ana Vaz e Lara Albuquerque/Divulgação
Foto: Ana Vaz e Lara Albuquerque/Divulgação

A Arte Plural Galeria, localizada no Bairro do Recife, inicia sua primeira exposição de 2019 inspirada na música. Intitulada Mistérios do planeta - uma referência à faixa do disco histórico Acabou chorare (1972), dos Novos Baianos -, a mostra busca situar o visitante no universo estético que o estabelecimento pretende seguir ao longo do ano. São 23 obras, entre telas, esculturas e fotografias, produzidas por 12 artistas plásticos e três fotógrafos.

Ana Vaz, Sebastião Pedrosa, Manoel Veiga, Gabriel Petribú e Dani Acioli são alguns destaques. A curadoria é assinada pelo proprietário, Fernando Neves, ao lado de Juliana Barreto, gerente do espaço. A vernissage será nesta terça-feira (22), às 19h, para convidados. A visitação estará aberta para o público a partir desta quarta-feira (23), às 13h. A entrada é franca. 

"Neste primeiro momento, queremos fazer um novo recorte do acervo da galeria, exibindo artistas novos e alguns outros que já fazem parte do nosso casting", explica Fernando Neves. "Diferentemente de outras exposições coletivas, essa foi uma curadoria da própria equipe. Queríamos situar os visitantes nessas novas obras, usando como gancho essa canção de autoria de Luiz Galvão e Moraes Moreira, que fala sobre o mistério do planeta em três momentos: nascer, crescer e morrer".

A gerente Juliana Barreto explica que parte dos trabalhos já estava no acervo da galeria e outra foi extraída de uma visita em alguns ateliês. "Queríamos entrar em contato com o que os artistas estavam fazendo de novo. É uma produção super-recente, foram obras finalizadas há uns dois anos ou um ano, em média". Ela também ressalta que, obedecendo ao caráter comercial da galeria, todas as peças estarão à venda, da exposição e do acervo.

Entre os artistas participantes também estão nomes como Alexandre Severo (fotógrafo pernambucano falecido em 2014, no acidente aéreo que também vitimou o ex-governador Eduardo Campos), Gegê Pedrosa (especializado em esculturas de animais feitas com madeira), Gustavo Bettini, Lara Albuquerque, Luciano Pinheiro, Manoel Veiga, Roberto Ploeg, Pragana e Rinaldo Silva. Esse último, inclusive, planeja um projeto com a Arte Plural para este ano, esmiuçando seu processo de registro de pintura. “Essa mostra, em geral, é uma anunciação do que vem por aí”, explica Juliana Barreto.

Após o carnaval, a primeira exposição individual será de Raul Córdula, com curadoria de Joana D’arc. Outra novidade para o ano é que a galeria vai diminuir seu número de artistas representados. Em vez de 42, serão de 18 a 20. “Conversamos com um consultor de fora, com um olhar externo, e chegamos à conclusão de que não dava para continuar com o número de antes”, admite Fernando Neves. "Pelo que estamos vivendo, temos que dar um 'stop' e voltar há quase 50 anos, revisitar os Novos Baianos e entender o mistério que ainda estamos vivendo. Isso nos ajuda a nos posicionar, recolocar, buscar a lei natural dos encontros, como diz a música. É um pouco por aí", finaliza.

SERVIÇO
Exposição Mistérios do planeta
Quando: de amanhã a 21 de fevereiro, das 13h às 19h (14h às 18h nos sábados)
Onde: Arte Plural Galeria (Rua da Moeda, 140, Bairro do Recife)
Quanto: Gratuito
Informações: (81) 3424-4431



Os comentários abaixo não representam a opinião do jornal Diario de Pernambuco; a responsabilidade é do autor da mensagem.