Entrevista 'Não faço música por volume', diz Marília Mendonça de volta ao Recife com repertório novo Artista percorre o país com projeto #TodosOsCantos e vai passar por 27 cidades brasileiras para gravar músicas inéditas. Confira a entrevista completa

Por: Marina Simões - Diario de Pernambuco

Publicado em: 22/12/2018 09:00 Atualizado em: 21/12/2018 20:24

Marília Mendonça chegou no Recife para show surpresa no Marco Zero. Foto: Flaney
Marília Mendonça chegou no Recife para show surpresa no Marco Zero. Foto: Flaney


O projeto é ousado e requer muita logística para percorrer longas distâncias num país de proporções continentais. Aos 23 anos de idade e três de carreira, a cantora Marília Mendonça quer conquistar o Brasil e está em curso com seu projeto #TodosOsCantos, onde vai gravar uma música inédita em 27 cidades. "Tinha o sonho de cantar literalmente em todos os cantos do meu país. Desde que comecei a me apresentar e a fazer shows, fui realizando. Mas a minha cabeça não para, eu tenho mil ideias”, contou a artista, em entrevista ao Viver. Ela vai passar por todos os estados, fazendo um show surpresa e gratuito em cada um deles.

Marília, que já esteve na capital pernambucana para o show surpresa, retorna neste sábado como atração do Pré-Natal Infinito, a partir das 22h, no Haras Boa Viagem, na Zona Sul do Recife. Os cantores Jonas Esticado e Wallas Arrais também se apresentam na noite. O #TodosOsCantos, iniciado em agosto, vai render imagens para o terceiro DVD da carreira, sucessor do DVD Realidade - Ao vivo em Manaus (2017), e Marília Mendonça Ao vivo (2016). Esse último foi o álbum que a revelou como cantora e compositora, transformando o universo do sertanejo e criando um movimento liderado por mulheres e batizado de 'feminejo'. “Estou junto com os meus parceiros. Tudo está sendo captado e vai virar um DVD no ano que vem. Acho que a maior dificuldade é a logística mesmo, até porque eu sigo com a minha agenda de shows normal e rodar um país do tamanho do nosso não é brincadeira", comenta.

Neste ano, a cantora alcançou novos patamares profissionais. Marília é apontada como a artista brasileira mais ouvida no Youtube em 2018, com total de 2,3 bilhões de visualizações, além de dominar rankings das rádios e streamings e aparecer na lista da Billboard entre as 50 artistas do mundo mais seguidas nas redes sociais.

Marília Mendonça esteve no Recife no dia 22 de novembro, panfletou no Mercado São José e Rua das Calçadas, no centro comercial da cidade, e fez show gratuito para milhares de pessoas em palco armado no Marco Zero. A música gravada em solo recifense foi Passa mal, que teve mais de um milhão de visualizações em menos de 24 horas. "É uma música animada, com tom de superação, e tem relação com a forma que eu lembro do Recife, um público que é superpresente nos meus shows", explicou a artista.

Além de Passa mal, ela já lançou as canções Bebi liguei (Natal), Sem sal
(Fortaleza), Bye, bye (São Luís), Casa da mãe Joana - com participação de
Henrique e Juliano - (Palmas), Bem Pior Que Eu (Goiânia) e Ciumeira (Belém) e vem incorporando as músicas ao repertório. Outras faixas foram gravadas entre novembro e dezembro em João Pessoa, Cuiabá, Maceió e Campo Grande. Além dos grandes passos profissionais, a artista se submeteu a uma reeducação alimentar orientada pelo Dr Barakat, na qual parou de beber e perdeu 15 quilos, aparecendo com novo visual. Ela chegou até a se envolver em polêmica nas redes sociais e precisou desmentir boatos que teria feito uma cirurgia bariátrica.

Assista Passa mal, gravada no Recife:



SERVIÇO
Pré-Natal Infinito com Marília Mendonça, Jonas Esticado, Wallas Arrais e John Geração
Quando: sábado, a partir das 22h
Onde: Haras Boa Viagem (Av. Sul Gov. Cid Sampaio, 4933, Imbiribeira)
Ingressos: R$ 40 / 50 / 80 (pista meia / social / inteira), 50 / 60 / 100 (VIP meia / social / inteira) e R$ 100 / 110 / 200 (premium meia / social /
inteira), à venda nas lojas Vitabrasilnet e Chilli Beans e no site Bilheteria
Digital

A artista apareceu com novo visual após emagrecer 15 quilos. Foto: Manuela Scarpa
A artista apareceu com novo visual após emagrecer 15 quilos. Foto: Manuela Scarpa
ENTREVISTA - Marília Mendonça, cantora

Como está sendo viajar o Brasil com o projeto?
O mais legal nesse projeto, além da surpresa para os fãs daquela cidade, é que eu chego e faço a divulgação do show em um lugar movimentado da cidade, no meio do povo mesmo. Isso tem me feito muito bem, essa conexão com as pessoas, o olho no olho não tem preço. O que eu posso destacar é realmente essa conexão que estou tendo com o meu público. Trocar abraços, ver no olhar das pessoas, a surpresa e a felicidade é muito recompensador, vale todo o esforço.

Desde o início da sua carreira, seus vídeos no Youtube alcançam grandes
números. A que atribui isso?
Tudo isso é muito espontâneo, né. Esses números gigantes, tudo isso não dá pra prever. Eu sou muito crítica com a escolha do meu repertório, não faço música por volume e  acho que o público vê isso no meu trabalho. Cada música tem a sua história e gera identidade com quem ouve, acho que isso contribui.

Você é considerada líder de um movimento feminino dentro do sertanejo, onde o discurso passou a incluir os sentimentos e desejos da mulher em letras escritas por mulheres e para as mulheres. Mas agora os homens escrevem como se fosse a mulher. Como avalia essas mudanças?

Eu não me considero líder de movimentos, eu sinto uma responsabilidade, sim, por fazer parte desse momento importante que estamos vivendo, onde a mulher tem o seu espaço e pode contar e cantar as suas próprias histórias. Somos várias cantoras cantando a nossa realidade, isso causou uma mudança no mercado e eu vejo de maneira muito positiva.

Que momento de 2018 pode destacar como o mais marcante e quais os maiores aprendizados?
Sem dúvida esse foi um ano incrível e eu só tenho que agradecer muito. Tive a felicidade de gravar com pessoas que eu sempre admirei como Bruno e Marrone, Maiara e Maraisa, Gal Costa, Ivete Sangalo, estou gravando o meu terceiro DVD com esse projeto incrível que é o Todos Os Cantos e diante de tantas coisas boas, só posso agradecer mesmo e trabalhar para que o próximo ano seja ainda melhor.

O que a perda de peso e a mudança no visual trouxeram de benefícios para sua vida e autoestima?
Foram vários os benefícios. O principal deles, o motivo pelo qual eu passei por toda essa mudança, foi a saúde. Hoje eu me cuido, faço um acompanhamento médico e estou em dia com a saúde. Isso implica em estar mais disposta no meu trabalho, com mais energia, mais leve e mais feliz. Estou bem comigo mesma.

Confira a playlist do projeto #TodosOsCantos:



Os comentários abaixo não representam a opinião do jornal Diario de Pernambuco; a responsabilidade é do autor da mensagem.