Música Grêmio Musical Henrique Dias encerra segunda temporada do Circuito Aurora Instrumental Repertório traz sincronia de ritmos como baião, xote, marchas, cocos, dobrado, além de pout-pourri com mais de 15 minutos de frevo

Por: Viver/Diario - Diario de Pernambuco

Publicado em: 12/12/2018 09:41 Atualizado em: 12/12/2018 11:17

Grêmio Henrique Dias é a primeira escola profissionalizante de frevo de Olinda. Foto: Beto Figueroa/Divulgação
Grêmio Henrique Dias é a primeira escola profissionalizante de frevo de Olinda. Foto: Beto Figueroa/Divulgação

O Circuito Aurora Instrumental encerra nesta quarta-feira (12) a segunda temporada de concertos, com apresentação do Grêmio Musical Henrique Dias, às 19h30, no Teatro Arraial Ariano Suassuna, na Boa Vista. Uma das mais importantes escolas de frevo de Olinda, o grupo é comandado pelo maestro Ivan do Espírito Santo e traz no repertório uma sincronia de ritmos como baião, xote, marchas, cocos, dobrado, além de pout-pourri com mais de 15 minutos de frevo, com faixas do maestro Duda.

Criado em 30 de abril de 1954 por um grupo de pernambucanos com o desejo de repassar conhecimentos musicais para a comunidade, o Grêmio Henrique Dias é a primeira escola profissionalizante de frevo de Olinda e oferece uma série de ações educacionais e culturais gratuitas à população há mais de 60 anos. 

“O Grêmio é um projeto sem fins lucrativos que opera através de um trabalho voluntário em conjunto, feito com muito carinho, dedicação e amor. São vários anos atuando com projetos relacionados à cultura, que além de fortalecer e manter viva um pouco da história do nosso estado, ajuda a formar novos artistas e novos músicos”, afirma Adriano Ferreira, presidente do grupo. Nesta segunda temporada, o Aurora Instrumental realizou dez concertos, recebendo nomes como César Michiles, Lucas dos Prazeres, Som de Madeira, Paulo Rafael, Laís de Assis, Seu Luiz Paixão, Wassab, Marco César e Trio e Beto Hortis.

Serviço
Grêmio Musical Henrique Dias no Aurora Instrumental
Quando: nesta quarta-feira (12), às 19h30
Onde: Teatro Arraial Ariano Suassuna (Rua da Aurora, 457, Boa Vista)
Quanto: R$ 20 e R$ 10 (meia)


Os comentários abaixo não representam a opinião do jornal Diario de Pernambuco; a responsabilidade é do autor da mensagem.