lançamento Livro com a trajetória da joalheira pernambucana Clementina Duarte será lançado no Museu do Estado A obra comemora os 50 anos de arte e design da renomada artista

Publicado em: 05/12/2018 10:45 Atualizado em:

No evento de lançamento, o espaço estará repleto de fotografias e vitrines com suas primeiras joias. Foto: Tico Fonseca/Divulgação
No evento de lançamento, o espaço estará repleto de fotografias e vitrines com suas primeiras joias. Foto: Tico Fonseca/Divulgação

A trajetória de cinco décadas da renomada joalheira pernambucana Clementina Duarte vai ser contada em livro lançado pela Cepe Editora. O catálogo Clementina Duarte: 50 anos de arte e design conta com mais de 200 fotografias das preciosas, premiadas e famosas criações de Clementina, que já foram expostas no exterior e usadas por grandes personalidades internacionais, como a Princesa de Abu-Dhabi, a Rainha Elizabeth II e a senadora Hillary Clinton.

O evento de lançamento será realizado amanhã, a partir das 19h, no Museu do Estado de Pernambuco, nas Graças. “Eu me sinto muito honrada em ter minhas obras nesse livro, que homenageia os 50 anos, que foram dedicados a Pernambuco, por eu ser daqui, admirar e amar minha cidade e a cultura das nossas raízes”, conta a artista, que cria suas joias e objetos para serem oferecidos pelo governo brasileiro como presentes oficiais. 

Além da cronologia, o livro apresenta textos que foram escolhidos pelo marido de Clementina, Nelson dos Anjos, e escritos por especialistas e escritores como Gilberto Freyre, a jornalista americana Cynthia Unninayar e o arquiteto Oscar Niemeyer. “O livro é extraordinário. Nos deram a liberdade de seguir o caminho do nosso interesse. Fiquei muito feliz com o resultado”, afirma. 

Essa não é a primeira vez que Clementina tem a sua história impressa nas páginas de uma publicação. Quando a pernambucana comemorou 40 anos de design e criação, foi lançado, no Brasil e nos Estados Unidos, o livro Clementina Duarte - A arte e o design da joia moderna brasileira, que resume a arte criadora e o design marcante de Clementina. 

No evento de lançamento, o espaço estará repleto de fotografias e vitrines com suas primeiras joias, que também serão usadas pelas pessoas “como um grande desfile”, na visão da artista. “Eu estarei lá fazendo as dedicatórias e encontrando pessoas que se tornaram madrinhas e embaixadoras das minhas joias no mundo inteiro. São avós que passam para as filhas e netas. É de geração para geração.”

Suas obras costumam ser separadas por categorias e inspiradas nas belezas brasileiras. “Quando estou no Brasil, é o que eu vejo. Quando estou fora, é saudade. No início, meu desejo era continuar sendo brasileira e não perder a minha identidade. Representei o nosso país lá fora e as joias se destacavam, porque antes só existiam cópias das joias tradicionais italianas e não existiam as joias modernas”, conclui Clementina, que já foi premiada como Melhor Desenho de Joias da Bienal de São Paulo, em 1971, e condecorada com a Ordem do Mérito dos Guararapes, pelo Governo do Estado de Pernambuco.
 
Serviço
Lançamento do livro Clementina Duarte: 50 anos de arte e design
Quando: amanhã, às 19h
Onde: Museu do Estado de Pernambuco (Avenida Rui Barbosa, 960, Graças)
Editora: Cepe


Os comentários abaixo não representam a opinião do jornal Diario de Pernambuco; a responsabilidade é do autor da mensagem.