cultura Projeto valoriza a música autoral no Recife Antigo Intitulada Quinta da Musica Popular Pernambucana, a iniciativa acontece a partir de hoje no Café Liberal, localizado no Bairro do Recife

Por: Viver/Diario - Diario de Pernambuco

Publicado em: 29/11/2018 15:22 Atualizado em: 29/11/2018 15:25

Para a abertura, a casa escalou os cantores Juliano Holanda e PC Silva, dois nomes da música contemporânea. Foto: Divulgação
Para a abertura, a casa escalou os cantores Juliano Holanda e PC Silva, dois nomes da música contemporânea. Foto: Divulgação

Prezando pelo resgate da cultural e o fortalecimento da música local, o Café Liberal 1817, localizado na Av. Marquês de Olinda, Nº 174, no Recife Antigo, lança nesta quinta-feira (29) o projeto Quinta da Música Popular Pernambucana, iniciativa que vai trazer ao Bairro do Recife todas as quintas-feiras, a partir das 20h30, os mais variados talentos do cenário musical pernambucano. Com shows protagonizados exclusivamente por artistas do estado, a proposta vai receber no palco da cafeteria músicos como Agda Moura, Tânia Christal, Isadora Melo, Aninha Martins, Igor de Carvalho, Flaira Ferro, Thiago Martins, Mayara Pêra entre outros. Para a abertura, a casa escalou os cantores Juliano Holanda e PC Silva, dois nomes da música contemporânea. 

Com uma ideia permanente planejada para entrar de vez no calendário do empreendimento, o projeto tem como objetivo principal divulgar cantores e compositores do estado de Pernambuco, bem como estimular o aparecimento de novos artistas, visando à expansão e perpetuidade da cultura pernambucana. Segundo Twilla Barbosa, gerente operacional da cafeteria, a proposta surgiu com o intuito de oferecer sons de qualidade, fugindo do padrão de música de barzinho. “Música e gastronomia é uma combinação que sempre funciona muito bem, principalmente música pernambucana. Nosso estado é um dos maiores celeiros de talentos que precisam de mais visibilidade. A idéia inicial era trazer MPB, mas estudamos melhor e pensamos no valor e na importância da música autoral. Foi assim que surgiu o projeto”, disse. 

Misturando música e gastronomia, o projeto tem como objetivo principal divulgar cantores e compositores do estado de Pernambuco. Foto: Divulgação
Misturando música e gastronomia, o projeto tem como objetivo principal divulgar cantores e compositores do estado de Pernambuco. Foto: Divulgação


Com uma programação já confirmada também para o mês de janeiro, a Quinta da Música Popular Pernambucana vai direcionar toda a renda do couvert para os artistas participantes do projeto. A taxa de entrada nos shows custa R$ 20 por pessoa. Além desta ação dedicada à música popular, o Café Liberal oferece ainda durante os outros dias da semana atrações dos mais variados ritmos musicais entre eles o Jazz.  

Serviço
Quinta da Música Popular Pernambucana
Quando: Todas as quintas, a partir das 20h30 
Onde: Café Liberal, Av. Marquês de Olinda, Nº 174, Recife Antigo
Quanto: R$ 20 (couvert artístico) 
Informações: (81) 3424-6415


Os comentários abaixo não representam a opinião do jornal Diario de Pernambuco; a responsabilidade é do autor da mensagem.