Arte Premiado espetáculo infantojuvenil chega ao Teatro de Santa Isabel neste sábado Adaptado do livro homônimo escrito por Adriana Falcão, "A Gaiola" conta a história de amor, amizade e liberdade entre uma garota e um passarinho

Por: Diario de Pernambuco

Publicado em: 23/11/2018 16:35 Atualizado em: 23/11/2018 17:32

Foto: Divulgação
Foto: Divulgação

O Teatro de Santa Isabel recebe, neste sábado (24) e domingo (25), às 16h30, o premiado espetáculo musical infantojuvenil "A Gaiola", adaptado do livro homônimo escrito por Adriana Falcão e indicado ao prêmio Jabuti 2014. Rica em humor e poesia, a peça conta a história de amor, amizade e liberade entre uma menina e um passarinho. Criado pela própria autora do livro em parceria com o ator e dramaturgo Eduardo Rios, o espetáculo é dirigido por Duda Maia.

No palco, os personagens iniciam uma história de amor quando o passarinho cai ferido na varanda da casa da garota, que se dedica a cuidar dele. À medida que vão convivendo, eles se apaixonam. Encenado pelos atores-cantores Carol Futuro e Pablo Áscoli, a apresentação tem direção musical de Ricco Viana, assistência de direção de Fábio Enriquez, figurino de Flávio Souza e cenário do artista plástico João Modé. Os ingressos custam R$ 10 (inteira) e R$ 5 (meia) e serão vendidos na bilheteria do teatro, localizado no Centro do Recife.

Entre 2016 e 2017, "A Gaiola" fez turnê por Brasília, Rio de Janeiro, São Paulo, Belo Horizonte e Porto Alegre, além de apresentações São José da Barra e Uberlândia, em Minas Gerais. A nível internacional, foi encenado na África e em Portugal. A peça foi a grande vencedora dos principais prêmios de teatro infantojuvenil de 2016: Prêmio de Teatro CBTIJ (sete categorias), 5º Prêmio Botequim Cultural (cinco categorias) e Prêmio Zilka Sallaberry (três categorias).

 

SERVIÇO
Espetáculo musical "A Gaiola"
Quando: 24 e 25 de novembro
Onde: Teatro de Santa Isabel, Centro do Recife, às 16h30
Quanto: R$ 10 (inteira) e R$ 5 (meia), vendidos na bilheteria do teatro



Os comentários abaixo não representam a opinião do jornal Diario de Pernambuco; a responsabilidade é do autor da mensagem.