Música Rapper pernambucano une trap e brega em clipe Referências ao ritmo nordestino também estão presentes na sonoridade e na letra de HoodBob

Por: Viver/Diario - Diario de Pernambuco

Publicado em: 16/10/2018 09:31 Atualizado em: 16/10/2018 18:18

A estética do brega marca presença na produção audiovisual. Foto: HoodCave/Divulgação
A estética do brega marca presença na produção audiovisual. Foto: HoodCave/Divulgação

Gênero musical de sucesso no Nordeste desde os anos 1970, o brega tem sido alvo de inúmeras hibridizações nas últimas décadas, a exemplo do brega-funk, tecnobrega e o brega pop. Foi enxergando esse potencial de "fusão" que o pernambucano HoodBob optou por unir o ritmo local com o trap - nova vertente do rap norte-americano que tem dominado as paradas musicais na era do streaming. A música Flow satanai foi lançada junto com um clipe que está disponível no YouTube desde o dia 5 de outubro.

Na música, Bruno Vandevelde (nome de batismo do artista) apresenta as batidas sintéticas do gênero estadunidense, enquanto a sonoridade do brega aparece ainda de forma secundária, sobretudo no refrão. A produção musical (instrumentação e mixagem) é do beatmaker pernambucano Will Marques. Antes da faixa começar, ainda é possível ouvir um trecho do clássico Não devo nada a ninguém, do Conde Só Brega.

Referências ao universo bregueiro pernambucano estão presentes na letra - "tiro minha braba" e "sou o Troinha do trap" são as principais. A estética do brega ainda marca presença no audiovisual, apresentando com um intérprete que aparece dividido entre bregueiros de duas gerações: o consagrado estilo de Reginaldo Rossi, com camisa social aberta até a metade, e o “galeroso” do brega-funk, sem camisa e usando óculos espelhados. Quem assina a produção do clipe é a HoodCave, produtora do trap local também responsável por nomes como NexoAnexo, JOMA e MC Klebinho.

Flow satanai é a primeira faixa do DJ Topó Mixtape, projeto que terá como enfoque principal intensificar essa relação entre o trap e o brega. O título, inclusive, é uma homenagem ao DJ que montava coletâneas de sucessos das bandas de brega nos anos 2000. A previsão de lançamento é para o final deste ano.

Assista ao clipe:




Os comentários abaixo não representam a opinião do jornal Diario de Pernambuco; a responsabilidade é do autor da mensagem.