música Vocalista da banda U2, Bono Vox, faz protesto em show contra governo sueco Os gestos e as palavras provocativa aconteceram durante o show do U2 em Paris, na França

Por: Correio Braziliense

Publicado em: 12/09/2018 21:31 Atualizado em: 12/09/2018 21:34

Gesto provocativo de Bono Vox fez alusão a nazistas. Foto: AFP/Reprodução
Gesto provocativo de Bono Vox fez alusão a nazistas. Foto: AFP/Reprodução

Conhecido por ser bastante envolvido em causas sociais e contra a desigualdade, o vocalista do U2, Bono Vox, polemizou no último show da banda. Durante a apresentação do grupo em Paris, na França, Bono fez gestos parecidos com saudações nazistas, dizendo o nome 'Åkesson!', fazendo referência a Jimmie Åkesson, líder de um partido de extrema direita da Suécia. 

Segundo o portal sueco Page Six, o partido de Åkesson é anti-imigração e tem raízes no movimento neonazista. Eles ficaram em terceiro nas eleições, e com isso, vão passar a participar ativamente das decisões do governo, tendo igualdade no número de cadeiras no parlamento. 

Em entrevista, a um site sueco, Bono ironizou as primeiras atitudes do líder da extrema direita da Suécia. “Parece que os suecos estão começando a descobrir o seu potencial ariano”, afirmou Bono, segundo informação publicada pelo site Local Sweden.


Os comentários abaixo não representam a opinião do jornal Diario de Pernambuco; a responsabilidade é do autor da mensagem.