show Fulô de Mandacaru lança novo DVD com show gratuito no Recife Grupo caruaruense se apresenta nesta sexta-feira, no Shopping RioMar, a partir das 20h

Por: Maria Vitória - Correio Braziliense

Publicado em: 03/09/2018 18:50 Atualizado em: 05/09/2018 14:13

Com 17 anos de carreira, o grupo apresenta o quarto DVD, registro do show gravado em novembro de 2017. Foto: Divulgação
Com 17 anos de carreira, o grupo apresenta o quarto DVD, registro do show gravado em novembro de 2017. Foto: Divulgação


Um trio nordestino tem zabumba, sanfona e triângulo, conforme manda a tradição. A banda Fulô de Mandacaru, vencedora do SuperStar em 2016, mostrou que é possível ressaltar as raízes, incrementando o caldeirão musical com um estilo próprio na performance, paleta de cores e novos arranjos. Com o lema de mesclar tradição, inovação e ousadia, a banda caruaruense dá mais um passo na carreira, desta vez de forma independente, e lança o DVD In Concert, disponível em todas as plataformas digitais, no YouTube e no site SuaMusica.com. "Vivemos numa crescente desde a vitória do SuperStar. A banda tem a cara do forró, mas pode trabalhar com todos os ritmos da cultura popular", afirma o líder do grupo, Armandinho do Acordeon, que é acompanhado pelo irmão Pingo Barros e pelo músico Tiago Muriê. 

Com 17 anos de carreira, o grupo apresenta o quarto DVD, registro do show gravado em novembro de 2017, no Teatro Boa Vista, no Recife. O espetáculo contou com participações de Elba Ramalho, Dorgival Dantas, Padre Antônio Maria, Maestro Spok e João do Pífano. O show começa com Só o mie, música que garantiu a vaga do grupo na final e foi apresentada pela primeira vez no reality show. Em seguida, Ave Maria Sertaneja, com participação do Padre Antônio Maria e Eu só quero um xodó (Dominguinho e Anastácia) na voz de Elba Ramalho. Um das novidades é a faixa Sonhar acordado, composta pelo pai dos artistas, Armando Barros. A letra aborda temas como reforma agrária, fome e a dificuldade do povo nordestino. "Essa faixa fala do momento social e político que o brasileiro enfrenta. É para as pessoas refletirem", apontou Pingo. E ainda Caldeirão do meu Nordeste, que mostra as influências culturais da banda. "A gente ousou muito e mostrou que pode incluir outros instrumentos como violinos e metais. Neste projeto temos músicas autorais, canções inéditas e também releituras", explica Armandinho. A cenografia é assinada pelo artista plástico e designer Leopoldo Nóbrega e direção musical do maestro Mozart Vieira.

Foto: Divulgação
Foto: Divulgação
Após a aparição na televisão e ampliação do trabalho para o Brasil, os artistas conquistaram espaço e aumentaram as agendas de shows. No ano passado, eles estrearam o projeto Mandacaru Elétrico, uma mistura de forró com frevo, que se consolidou em 2018 como o melhor trio do Galo da Madrugada. A banda já está confirmada para o desfile da agremiação em 2019. "Foi uma experiência única. Esse show no trio é muito versátil, tem forró e frevo e as músicas de sucessos do carnaval", aponta Armandinho.  

Os artistas vão lançar o DVD In Concert em sete países. A partir de outubro, viajam para temporada de shows na Europa, passando por Portugal, Espanha, Alemanha, França, Itália, Suíça, Bélgica.  "Esse projeto era algo que a gente já queria fazer e tinha algumas músicas de gaveta, mas a seleção foi feita para mostrar que podemos passear no que há de melhor na música brasileira, com um misto de gêneros e instrumentos universais. Os arranjos mostram que a Fulô vai do forró ao carnaval e viaja por todos os ritmos", conclui Armandinho.  

Show gratuito no Recife

Nesta sexta-feira (7) de setembro, feriado nacional, a banda caruaruense volta ao Recife para uma apresentação especial no Shopping RioMar. O grupo pernambucano é a atração principal da edição de setembro do Feriados no RioMar, ação que promove uma série de shows gratuitos no centro de compras. O evento vai acontecer a partir das 20h, na Praça de Alimentação do mall, no Piso L3. Os artistas prometem animar os consumidores do empreendimento com muito forró, ousadia e romantismo. 



Os comentários abaixo não representam a opinião do jornal Diario de Pernambuco; a responsabilidade é do autor da mensagem.