Música Mais famoso show de Elvis Presley será exibido nos cinemas Elvis 68: Comeback Special marcou o retorno do Rei do Rock aos palcos após sete anos de afastamento

Por: Breno Pessoa

Publicado em: 07/08/2018 17:02 Atualizado em: 07/08/2018 17:06

Quando foi ao ar, em dezembro de 1968, show atraiu 42% da audiência televisiva dos EUA. Foto: NBC/Divulgação
Quando foi ao ar, em dezembro de 1968, show atraiu 42% da audiência televisiva dos EUA. Foto: NBC/Divulgação

No ano em que completa cinco décadas de lançamento, o show televisivo Elvis NBC TV Special terá exibição nos cinemas brasileiros. A produção, transmitida originalmente em dezembro de 1968, poderá ser vista nas salas da rede Cinemark, em sessão única, no dia 16 de agosto, às 20h. O Recife conta com salas da rede no Shopping RioMar (Av. República do Líbano, 251, Pina). Os ingressos custam R$ 40 e R$ 20 (meia) e já podem ser adquiridos na bilheteria ou no site Ingresso.com.

Hoje conhecido como Elvis 68: Comeback special, o programa da emissora norte-americana NBC é considerado como o marco da retomada da carreira de shows de Elvis Presley, após sete anos em que o músico dedicou-se ao cinema. Antes do especial televisivo, no entanto, o Rei do Rock já lançado um novo álbum, How great thou art, de 1967. O disco, no entanto, era também o terceiro da fase gospel do cantor, tornando o Comeback special uma espécie de volta às raízes. 

O show, posteriormente transformado em álbum, é hoje considerado por alguns como o primeiro show no formado acústico registrado em vídeo. O programa marcou, ainda, o lançamento de três novas canções de Presley: Memories, If I can dream e Saved, todas compostas especialmente para a ocasião. Relativamente curto, o show tem 13 faixas, algumas delas medleys, incluindo sucessos como Can't help falling in love, Jailhouse rock e Love me tender. Além disso, a apresentação trouxe quatro composições interpretadas pela primeira vez por Elvis: Baby, what you want me to do, Up above my head, Nothingville e Tiger man.

A ideia original do show da NBC seria um especial com músicas natalinas, mas o diretor do especial, Steve Binder acabou propondo uma espécie de apanhado da carreira de Elvis a partir das canções. Quando foi ao ar, o show registrou 42% de toda a audiência televisiva dos EUA. 



Os comentários abaixo não representam a opinião do jornal Diario de Pernambuco; a responsabilidade é do autor da mensagem.