demissão Fãs criam petição para Disney recontratar James Gunn Diretor foi demitido após ter tuítes polêmicos reavivados por usuários da rede social

Por: Correio Braziliense

Publicado em: 23/07/2018 14:17 Atualizado em: 23/07/2018 14:18

James Gunn foi responsável pelo roteiro e direção dos dois primeiros longas da franquia. Foto: Carl Court/AFP Photo
James Gunn foi responsável pelo roteiro e direção dos dois primeiros longas da franquia. Foto: Carl Court/AFP Photo

Após a demissão de James Gunn da Disney, por conta de tuítes antigos e polêmicos do cineasta, fãs da MCU começaram a se manifestar em prol do diretor. Uma petição on-line, que já superou mais de 150 mil assinaturas, foi criada para que o Gunn seja recontratado e assuma o terceiro filme dos Guardiões da Galáxia.

James Gunn foi demitido da direção de Guardiões da Galáxia Vol.3 após publicações com referências a pedofilia e estupro, postadas entre 2008 e 2011, serem republicados por usuários do Twitter. O cineasta foi responsável pelo roteiro e direção dos dois longas dos Guardiões.

Na descrição do abaixo-assinado, o criador Chandler Edwards escreveu:

"Eu sou inteligente o suficiente para saber que isso provavelmente não mudará nada, mas espero que faça a Disney perceber o erro que cometeu, e não cometer o mesmo erro novamente. 

Eu concordo com a ideia de que, se uma pessoa fala coisas estúpidas enquanto trabalha no estúdio, o estúdio tem todo direito de demiti-la por causa da controvérsia. Mas esta situação é diferente porque as piadas foram feitas antes dele trabalhar para a Disney, e eram piadas. Eu concordo com a maioria, de que as piadas de Gunn foram péssimas e sem graça, mas eram piadas. Não era uma opinião ou uma declaração, só péssimas tentativas de ser engraçado".  

O diretor da Walt Disney Studios, Alan Horn, se pronunciou sobre a demissão de Gunn. "As atitudes e declarações ofensivas descobertas no Twitter de James são indefensáveis e inconsistentes com nossos valores, e danificaram nossa relação com ele."

Já James Gunn, manifestou-se no Twitter, confira o que disse o diretor:

"As pessoas que seguiram minha carreira sabem como comecei. Me via como um provocador, fazendo filmes e contando piadas que eram escandalosas e tabu para muitos. Como disse publicamente muitas vezes, na medida em que desenvolvi como pessoa, meu trabalho e meu humor também desenvolveram. Não posso dizer que sou melhor, mas sou muito diferente do que eu era  passado. A época em que falava coisas só para chocar e ver as reações de todos definitivamente já acabou. No passado, me desculpei pelo meu humor ácido. Me sinto arrependido e realmente quis dizer tudo que disse nas minhas desculpas. Eu sei que é uma declaração estranha e que pode parecer óbvia, mas estou aqui dizendo isso. Esta é a verdade completa: costumava fazer piadas ofensivas, não faço mais. Não culpo meu passado por isso, mas me sinto mais humano e mais criativo hoje. Amo vocês".

O ator Dave Bautista, o personagem Drax em na franquia, se manifestou a favor de Gunn em publicação no Twitter. ""Eu vou ter mais a dizer sobre isso no futuro, mas agora eu vou dizer isso... James Gunn é uma das pessoas mais amáveis, carinhosas e boas que eu já conheci. Ele é gentil e doce e se importa profundamente com pessoas e animais. Ele cometeu erros. Todos nós cometemos. Eu não estou OK com o que está acontecendo com ele". 


Os comentários abaixo não representam a opinião do jornal Diario de Pernambuco; a responsabilidade é do autor da mensagem.