Música 'Tudo mudou', diz Ariana Grande sobre a vida após ataques de Manchester Cantora deu entrevista à revista Elle afirmando que experiência quase a impediu de voltar aos palcos

Por: Correio Braziliense

Publicado em: 12/07/2018 13:24 Atualizado em:

Ariana Grande em show após ataques de Manchester. Foto: DAVE HOGAN FOR ONE LOVE MANCHESTER/AFP)
Ariana Grande em show após ataques de Manchester. Foto: DAVE HOGAN FOR ONE LOVE MANCHESTER/AFP)


A cantora Ariana Grande é a capa da edição de julho da popular revista norte-americana Elle e durante a tradicional entrevista não escondeu nada relacionado a marcante experiência de sofrer um ataque terrorista durante um show na cidade britânica de Manchester, no ano passado.

"Você escuta sobre essas coisas. Você vê na tevê, você tuita as hashtags. Ocorrem um dia, depois ocorre outro dia. Você fica triste e pensa sobre a situação por um tempinho. Mas depois as pessoas seguem em frente", desabafou Ariana sobre o ataque terrorista. Na ocasião, 22 pessoas morreram e 59 ficaram feridas.

"Passar por uma coisa assim, você pensa que tudo está diferente. Tudo mudou", lamentou a cantora. A mãe de Ariana, Joan Grande, também conversou com a Elle e lembrou que após o atentado, pensou que a filha jamais voltaria aos palcos. "Ela (Ariana) subiu na minha cama um dia e disse 'mãe, vamos ser honestas, eu nunca vou cantar novamente, mas eu não vou cantar até que eu vá em Manchester primeiro", lembrou.

Superação 
Como previa a mãe, de volta a Manchester meses após o ataque, Ariana Grande se apresentou ao lado de Miley Cyrus, Coldplay, Katy Perry e Justin Bieber. Ariana concluiu afirmando que mesmo sendo traumatizante, o que a ajudou a manter em frente foi a paixão pelos palcos: "Foi terrível, mas a coisa mais inspiradora do mundo foi ver essas crianças embalando os shows". Ariana atualmente se prepara para lançar o álbum Sweetener no dia 17 de agosto. O último hit do trabalho é a faixa The light is coming. 

Assista:



Os comentários abaixo não representam a opinião do jornal Diario de Pernambuco; a responsabilidade é do autor da mensagem.