• Compartilhar no Facebook Compartilhar no Twitter Compartilhar no Google Plus Enviar por whatsapp Enviar por e-mail Mais
Televisão BBB18: Ayrton se preocupa com saúde do irmão, sem saber que ele morreu Irmão de 'Papito' e tio de Ana Clara faleceu em janeiro, quando a família Lima já estava confinada. 'Tenho muito medo de sair daqui e meu tio ter morrido', disse a estudante

Por: Estado de Minas

Publicado em: 10/04/2018 14:48 Atualizado em:

Parentes optaram por não dar a notícia à Família Lima (foto: Facebook/Reprodução)
Parentes optaram por não dar a notícia à Família Lima (foto: Facebook/Reprodução)


Quando a Família Lima aceitou participar do Big brother Brasil 18, os quatro integrantes – Ana Clara, Ayrton, Eva e Jorge – deixaram do lado de fora da casa um parente em estado frágil de saúde. Um dos irmãos de Ayrton, Paulo Lima, morreu antes mesmo do início do programa, em 21 de janeiro. O BBB 18 só estreou no dia seguinte, mas os quatro membros da família não foram avisados do ocorrido.

Em conversa com Gleici no último sábado (7), Ana Clara disse que seu pai estava temeroso sobre a saúde do irmão. A estudante também se mostrou preocupada. "Eu sei que meu pai tá preocupado para saber se meu tio tá vivo. Eu tenho muito medo de sair daqui e meu tio ter morrido. Eu acho que meu pai vai ficar muito mal de não ter se despedido dele", disse Ana Clara.

Em janeiro, o filho de Paulo publicou nas redes sociais uma mensagem em defesa dos participantes. Na ocasião, a troca de carinhos entre pai e filha havia gerado polêmica e incomodado parte dos telespectadores. Em seu perfil no Facebook, o sobrinho de 'Papito', Paulo Júnior, enfatizou a união da família e criticou quem viu algo de errado no comportamento dos brothers.

Em outras edições do Big brother Brasil, os participantes recebiam notícias de morte de parentes e tinham a opção de deixar a competição. Em 2016, por exemplo, o potiguar Alan desistiu do jogo ao ser avisado que o pai estava no hospital em estado grave. Na segunda edição do programa, em 2002, a carioca Cida perdeu a irmã, vítima de câncer, mas optou por permanecer na disputa.


Os comentários abaixo não representam a opinião do jornal Diario de Pernambuco; a responsabilidade é do autor da mensagem.