• Compartilhar no Facebook Compartilhar no Twitter Compartilhar no Google Plus Enviar por whatsapp Enviar por e-mail Mais
Internet Cantora gospel Priscilla Alcantara critica paródia de MC Melody: 'É degradante' 'Parte meu coração ver uma criança sendo sexualizada, exposta, diminuída', escreveu a artista

Por: Viver/Diario - Diario de Pernambuco

Publicado em: 10/01/2018 20:06 Atualizado em:

Uma das publicações da cantora gospel ultrapassou a marca de 10 mil curtidas. Foto: Facebook e YouTube/Reprodução
Uma das publicações da cantora gospel ultrapassou a marca de 10 mil curtidas. Foto: Facebook e YouTube/Reprodução

Desde que iniciou a carreira de funkeira, MC Melody, 10 anos, causa polêmica na internet. Embora tenha deixado de lançar músicas autorais e fazer shows, a carioca continua publicando paródias de videos de cantoras como Anitta. Sua última produção, uma paródia do clipe de Vai malandra, não agradou a cantora gospel Priscilla Alcantara. A jovem teceu críticas ao vídeo em sua conta do Twitter. "Parte meu coração ver uma criança sendo sexualizada, exposta, diminuída, desrespeitada e saber que o pai da menina assiste a tudo isso de bom grado. não é possível", escreveu a artista.

Quer receber notícias sobre cultura via WhatsApp? Mande uma mensagem com seu nome para (81) 99113-8273 e se cadastre

"Melody não precisa de ibope, precisa ser protegida! O que estão fazendo com ela é degradante, roubando dela o que ela tem de mais precioso: pureza. Isso NÃO tem graça", digitou em outro tweet. Ao responder um usuário na rede social, ela ainda opinou: "Isso não é chatice, é moral e ética. Está tudo uma bosta hoje em dia justamente por causa da indiferença e relativismo. Triste".

A publicação acumulou diversas respostas em apoio ao texto da cantora. "O que mais me assusta é que o próprio pai dela dizer que fazem isso apenas porque gostam, mas se colocam em situações desagradáveis que difama a imagem da menina que ainda é uma criança", escreveu uma seguidora. "As pessoas fazem tudo para terem fama mesmo tendo que mexer na inocência de uma criança", escreveu outra. "Não dá pra entender como um pai submete a sua filha a isso. A vontade de possuir fama e coisas que esse mundo pode dar é maior do que o próprio amor e respeito que ele deveria ter pela criança", lamentou mais uma.

Confira as publicações:





Acompanhe o Viver no facebook:



Os comentários abaixo não representam a opinião do jornal Diario de Pernambuco; a responsabilidade é do autor da mensagem.