• Compartilhar no Facebook Compartilhar no Twitter Compartilhar no Google Plus Enviar por whatsapp Enviar por e-mail Mais
Streaming Netflix lamenta assédio sexual de Kevin Spacey e anuncia fim de House of Cards Seriado será encerrado na sexta temporada

Por: Viver/Diario - Diario de Pernambuco

Publicado em: 30/10/2017 17:23 Atualizado em: 30/10/2017 20:48

Produtor executivo e protagonista da série foi acusado de assediar o ator Anthony Rapp, aos 14 anos. Foto: Netflix/Reprodução
Produtor executivo e protagonista da série foi acusado de assediar o ator Anthony Rapp, aos 14 anos. Foto: Netflix/Reprodução


Após a repercussão da denúncia de assédio sexual contra o ator e produtor-executivo Kevin Spacey, intérprete do protagonista Frank Underwood, a Netflix anunciou, nesta segunda-feira, que a série House of cards será encerrada na sexta temporada. No último domingo (29), durante uma entrevista ao Buzzfeed news, o ator Anthony Rapp (Star Trek: Discovery, distribuída mundialmente pela Netflix) afirmou ter sido assediado por Spacey durante uma festa em 1986, quando ele tinha apenas 14 anos.

Quer receber notícias sobre cultura via WhatsApp? Mande uma mensagem com seu nome para (81) 99113-8273 e se cadastre

Em comunicado oficial, divulgado nesta segunda-feira (30), o criador da série, Beau Willimon, declarou que "a história de Anthony Rapp é profundamente preocupante". "Durante o tempo em que eu trabalhei com Kevin Spacey em House of cards, eu não testemunhei nem estava ciente de qualquer comportamento inadequado. Dito isto, eu faço investigações sérias sobre tais comportamentos e este caso não é exceção. Eu sinto pelo Sr. Rapp e apoio sua coragem", disse Willimon.

Spacey, que tinha 26 anos à época do ocorrido, divulgou um comunicado no qual pede desculpas a Rapp, afirma estar "horrorizado" com o relato e diz não se lembrar do ocorrido. "Mas, se eu tiver me comportado da forma como ele descreve, devo a ele as mais sinceras desculpas pelo que teria sido um comportamento ébrio inapropriado", disse o ator, em nota. "Sinto muito pelos sentimentos que ele diz ter carregado por todos esses anos", continuou.

"Como todos os que me são mais próximos sabem, eu tive, na minha vida, relações com homens e mulheres. Eu gostei e tive encontros sentimentais com homens ao longo de toda minha vida e decidi hoje viver como gay", acrescentou Spacey. "Quero lidar com isso honesta e abertamente e isso começa pela análise do meu próprio comportamento", completou.

Segundo Anthony Rapp, que hoje tem 46 anos, Kevin o convidou para uma festa em seu apartamento em Nova York. Na época, todos atuavam em peças na Broadway e, segundo o ator, ele estava no quarto de Kevin Spacey, quando este apareceu na porta, no fim da noite, "como que cambaleando" e aparentemente bêbado. Kevin Spacey então o empurrou para sua cama e se esticou em cima do adolescente, ainda segundo o relato de Anthony Rapp.

Acompanhe o Viver no Facebook:




Os comentários abaixo não representam a opinião do jornal Diario de Pernambuco; a responsabilidade é do autor da mensagem.