• Compartilhar no Facebook Compartilhar no Twitter Compartilhar no Google Plus Enviar por whatsapp Enviar por e-mail Mais
Televisão Globo nega negociação com Sportflix, a Netflix dos esportes Canal brasileiro reiterou a exclusividade sobre torneio esportivos

Por: Viver/Diario - Diario de Pernambuco

Publicado em: 18/08/2017 17:48 Atualizado em: 18/08/2017 18:20

Sportflix anuncia transmissões ao vivo no site. Foto: Sportflix.net/Reprodução
Sportflix anuncia transmissões ao vivo no site. Foto: Sportflix.net/Reprodução


O Grupo Globo divulgou uma nota para negar qualquer negociação com o serviço de streaming Sportflix, auto-intitulado como a Netflix dos esportes. Criado no México no início do mês - com aporte de recursos de empresários norte-americanos e europeus - e com previsão de operar a partir do dia 31 de agosto, a plataforma pretende transmitir e catalogar os principais torneios esportivos do mundo (do futebol ao MMA, do basquete à Fórmula 1).

Quer receber notícias sobre cultura via WhatsApp? Mande uma mensagem com seu nome para (81) 99113-8273 e se cadastre


A exibição passaria por negociação com canais detentores dos direitos de imagem das competições. "Não mantivemos qualquer contato ou negociação com o Sportflix que o capacite a oferecer tais transmissões. O Grupo Globo reafirma seu compromisso com a qualidade de suas transmissões e pela ética nas negociações", diz a nota da empresa brasileira.

O grupo também manifestou preocupação com as referências feitas pelo Sporflix. "O Grupo Globo esclarece que é detentor exclusivo dos direitos de transmissão, incluindo Internet, no território brasileiro, de eventos tais como: Campeonato Brasileiro (direitos exclusivos também para o exterior); Copa do Mundo da FIFA; Campeonato Francês; e Jogos Olímpicos, entre outros eventos. Tal qual outros grupos de mídia, acompanhamos com apreensão o comunicado do Sportflix divulgando a transmissão dos mesmos eventos no Brasil, mediante cobrança de assinatura em dólar, sem as devidas autorizações legais para tal transmissão".

Outros dois canais de peso nas transmissões internacionais foram a público negar qualquer contato com os proprietários do Sportflix. A ESPN e a Fox Sports emitiram notas para reiterar a exclusividade sobre os campeonatos adquiridos. A abrangência do novo serviço de streaming incluiria UFC, NBA, Libertadores da América, Liga dos Campeões, entre outras competições cujos direitos são disputados a peso de ouro no mercado.

Em entrevista a um canal de TV do México, o vice-presidente do Sportflix, Matías Said, garantiu a transmissão ao vivo de torneios de destaque pelo mundo e citou a excelência técnica no próprio aparato de exibição como distinção da empresa em relação a outros canais. De acordo com informações da plataforma, as assinaturas mensais devem custar entre US$ 19,90 (R$ 62) e US$ 29,99 (R$ 93). O objetivo é chegar a 400 mil assinantes até o fim do ano. O site do streaming é o www.sportflix.net.

Acompanhe o Viver no Facebook:




Os comentários abaixo não representam a opinião do jornal Diario de Pernambuco; a responsabilidade é do autor da mensagem.