• Compartilhar no Facebook Compartilhar no Twitter Compartilhar no Google Plus Enviar por whatsapp Enviar por e-mail Mais
Cinema Filme sobre pernambucano Cícero Dias é finalista do Grande Prêmio do Cinema Brasileiro Dirigido por Vladimir Carvalho, o longa revela as influências que levaram o artista a ser um dos expoentes do movimento modernista brasileiro

Por: Correio Braziliense

Publicado em: 08/08/2017 23:17 Atualizado em: 09/08/2017 15:03

Cícero Dias, o compadre de Picasso é indicado ao prêmio de melhor documentário. Foto: Fotofilme 2/Divulgação
Cícero Dias, o compadre de Picasso é indicado ao prêmio de melhor documentário. Foto: Fotofilme 2/Divulgação

Cícero Dias, o compadre de Picasso está entre os finalistas do Grande Prêmio do Cinema Brasileiro da Academia Brasileira de Cinema na categoria de melhor documentário. Dirigido por Vladimir Carvalho, o longa revela as influências que levaram o pernambucano Cícero Dias a ser um dos expoentes do movimento modernista brasileiro. Organizada anualmente pela Academia Brasileira de Cinema, a premiação será realizada em 5 de setembro no Theatro Municipal do Rio de Janeiro.

Quer receber notícias sobre cultura via WhatsApp? Mande uma mensagem com seu nome para (81) 99113-8273 e se cadastre

As categorias se dividem em melhor longa-metragem, melhor curta-metragem, melhor ator e atriz, entre outras. Para votar no longa Cícero Dias, o compadre de Picasso clique aqui. Entre os finalistas no Grande Prêmio do Cinema Brasileiro na categoria de melhor documentário também estão produções como Eu sou Carlos Imperial, de Renato Terra e Ricardo Calil, Quanto tempo o tempo tem, de Adriana L. Dutra e Menino 23, infâncias perdidas no Brasil, de Belisario Franca.

Cícero Dias, o compadre de Picasso
Sob direção de Vladimir Carvalho, o longa resgata a biografia e a obra do pernambucano essencial para o movimento modernista brasileiro. Na tela, são expostos um registro com depoimentos do próprio protagonista, além de expoentes da cultura brasileira como Ariano Suassuna e o artista plástico Francisco Brennand. Também é possível ver as diversas obras do artista. Desde as marcantes cores quentes ao diálogo com a vanguarda europeia e o retorno ao abstrato. 

Acompanhe o Viver no Facebook:



Os comentários abaixo não representam a opinião do jornal Diario de Pernambuco; a responsabilidade é do autor da mensagem.