• Compartilhar no Facebook Compartilhar no Twitter Compartilhar no Google Plus Enviar por whatsapp Enviar por e-mail Mais
TV Zeca Pagodinho se nega a explicar diferença entre samba, partido-alto e pagode na TV "Não sou eu quem vai te ensinar isso não", disparou o cantor e compositor diante de pergunta de garoto da plateia

Por: Viver/Diario - Diario de Pernambuco

Publicado em: 18/06/2017 17:20 Atualizado em: 18/06/2017 17:32

Zeca foi convidado do programa ao lado de Tiago Leifert e Leandra Leal. Foto: TV Globo/Reprodução
Zeca foi convidado do programa ao lado de Tiago Leifert e Leandra Leal. Foto: TV Globo/Reprodução

A primeira pergunta da plateia no Altas horas deste sábado foi recebida com um corte do cantor e compositor Zeca Pagodinho. "Que pergunta antiga", disparou Zeca, ante o questionamento de um garoto sobre a diferença entre samba, partido-algo e pagode. A reação espontânea do artista provocou gargalhadas do apresentador Serginho Groisman e do público presente.

Confira o roteiro de shows no Divirta-se

"De que tipo de samba você está falando? Tem o samba-enredo, tem o samba de partido-alto, tem o samba de roda", rebateu Zeca. "E qual a diferença?", insistiu o garoto. "A diferença é que você tem que fazer o samba. Você cantar um partido alto não é a mesma coisa que um samba-enredo", disse.

"É tão difícil de perceber que você tem que perguntar isso para mim? Vai para a avenida e você vai ver um samba-enredo, vai para o morro e você vai ver o partido-alto, você vai para uma roda de samba no Samba do Trabalhador e você vai ver um samba de roda. Tem que praticar", limitou-se, sem abordar o pagode. "Não sou eu quem vai te ensinar isso não".

O Altas horas deste sábado recebeu como convidados, além de Zeca Pagodinho, Leandra Leal, Tiago Leifert e a banda Barão Vermelho. Logo após o imbróglio sobre estilos de samba e pagode, Leandra Leal também hesitou  com a pergunta de um outro jovem. Ele quer ser ator, estava interessado nas dificuldades enfrentadas por ela e indagou se a atriz e diretora já pensou em desistir, por ter pensado ele próprio "várias vezes"em tentar outra carreira.

"É porque você ainda não se decidiu então. Sei lá, eu não cheguei em lugar nenhum, eu estou indo. Eu acho que eu nunca quero chegar a lugar nenhum, eu quero ir. Mas nunca pensei em desistir, largar tudo e fazer outra coisa, ainda não. Pode ser que um dia chegue este momento, mas ainda não", afirmou. Groisman, então, convocou perguntas para Tiago Leifert.

Apesar dos risos da plateia, a resposta do cantor não foi bem interpretada por alguns internautas, enquanto outros reclamaram da dúvida. "Posso estar errado, mas achei de extrema grosseria a resposta a um rapaz da plateia do Altas horas. Humildade zero", reclamou um usuário do Twitter. "Achei normal a resposta do sambista Zeca Pagodinho no #AltasHoras, aquele garoto quis tirar onda com aquela pergunta repetitiva e insistente", ponderou outro.

Acompanhe o Viver no Facebook:




Os comentários abaixo não representam a opinião do jornal Diario de Pernambuco; a responsabilidade é do autor da mensagem.