• Compartilhar no Facebook Compartilhar no Twitter Compartilhar no Google Plus Enviar por whatsapp Enviar por e-mail Mais
Engajamento Eu Acho É Pouco, Lia e outros artistas fazem apresentações gratuitas pelas Diretas Já Encontro político-cultural Não Me Venha com Indiretas! será realizado neste domingo

Por: Viver/Diario - Diario de Pernambuco

Publicado em: 04/06/2017 11:35 Atualizado em: 04/06/2017 12:07

Tradicional bloco de Olinda, Eu Acho é Pouco se concentra às 14h, na Praça Laura Nigro. Foto: Instagram/Reprodução
Tradicional bloco de Olinda, Eu Acho é Pouco se concentra às 14h, na Praça Laura Nigro. Foto: Instagram/Reprodução


Artistas pernambucanos prepararam para este domingo uma série de apresentações gratuitas cujo objetivo é ampliar a pressão por eleições diretas e pela saída de Michel Temer da Presidência da República. Os shows ecoam manifestações realizadas em outras localidades do país, como o ato da semana passada no Rio de Janeiro, acompanhado por mais de cem mil pessoas, segundo os organizadores. Produtores e comunicadores independentes de Pernambuco fizeram convocação para o público se reunir, a partir das 15h, na Praça do Carmo, em Olinda. Intitulado de Não me venha com indiretas!, o encontro político-cultural conta com música e intervenções artísticas.

Segundo o produtor cultural Leo Antunes, a iniciativa surgiu de forma espontânea, nas redes sociais, através do diálogo entre representantes da cultura pernambucana. Ele explica que as apresentações culturais são uma forma de reunir pessoas para discutir o assunto. “A retomada da discussão sobre as Diretas no Brasil é um tema de total urgência. Nosso objetivo é amplificar essa discussão de forma aberta e democrática e colaborar com uma rede nacional que já vem se articulando com eventos em diversos lugares do país”, defende Antunes.

Artistas como Cannibal (Devotos), Rogerman, Catarina Dee Jah, Tiné, a banda Malícia Champion e os DJs 440, Lala K, Renato da Mata, Ravi Moreno e Vinicius Lezo já declararam apoio ao manifesto e irão se revezar em apresentações durante toda a tarde, no coreto da praça. Segundo a produção, representantes do audiovisual pernambucano articulam projeções e o bloco Eu Acho é Pouco realizará um arrastão ao som de frevo.

A cantora e DJ Catarina Dee Jah, uma das atrações musicais deste domingo, reforça a importância da ação coletiva. “Neste momento devemos nos unirmos para defender a democracia tão fragilizada que nos resta e despertar dessa letargia que essa horda conservadora e imoral chega nos tolhendo direitos básicos. Muita coisa está em jogo e por enquanto a música consegue entrar onde a política e a religião tão sujas e desgastadas não chegam. A revolução começa em casa!”, afirma.

O músico Cannibal, da banda Devotos, reforça o coro. “Com a situação política que a gente vive, não dá mais pra ficar em cima do muro, ou você aceita ou não aceita. A gente está vendo muitos direitos sendo tirados do povo. As diretas seriam a melhor opção”, opina. 

SERVIÇO
Não me venha com indiretas - Diretas Já! Olinda/Recife
Quando: neste domingo, às 15h
Onde: Praça do Carmo (Avenida Liberdade, s/n, Carmo, Olinda)
Quanto: gratuito

Acompanhe o Viver no Facebook:





Os comentários abaixo não representam a opinião do jornal Diario de Pernambuco; a responsabilidade é do autor da mensagem.